Essenciais
Estude no exterior : Acomodação

5 razões para optar por uma homestay

Opção de moradia homestay: hospedar-se na casa de uma família local enquanto estuda no exterior.

Homestay: morar com uma família nativa
3018

Uma das opções de acomodação para estudantes no exterior é a homestay, uma junção de “ficar em casa” e “casa de família”: hospedar-se na casa de uma família nativa – as chamadas host families. Se compararmos esta opção de moradia com as outras duas mais conhecidas, dormitórios acadêmicos dentro da universidade ou o aluguel de casa/apartamento, encontraremos diversas vantagens em se morar com uma família local. Diferenciais que podem ajudar na adaptação e no aproveitamento geral da sua experiência internacional.

 

1. Viver com uma família.

Morar com uma família pode lhe ajudar a não sentir tanta saudade da sua, por poder fazer parte de uma rotina diária caseira. Talvez você seja aquele tipo de pessoa que precisa se desligar dos estudos assim que deixa a universidade para recarregar as baterias; morando dentro da instituição em um dormitório acadêmico, pode ser que não lhe aconteça este “distanciamento universitário” por algumas horas por dia. Além disso, a presença constante de um adulto dentro de casa também dá uma sensação de segurança (os pais da família nativa que recebem estrangeiros são chamados de host parents).

 

2. Praticar o inglês.

No exterior, você vai praticar o inglês o tempo todo: nas salas de aulas, saindo com os amigos, nos bares e supermercados, no banco, etc. No entanto, na sua homestay, você vai praticar o idioma em todas as situações de uma rotina diária e demais assuntos: cômodos de uma casa, comida e alimentos, utensílios domésticos, gírias e informalidades, costumes locais, etc. A única forma de se comunicar com a sua host family será em inglês, por isso, o treinamento e o aperfeiçoamento do idioma serão constantes.

 

3. Comida caseira.

Algumas host families cobram uma quantia semanal pelo aluguel, já incluindo o valor das refeições – o que significa que irão preparar a sua comida durante a sua estadia. Em uma homestay, a chance de se alimentar com comida caseira é muito maior; afinal, quando se mora em um dormitório acadêmico, você nem sempre tem tempo de preparar suas próprias refeições ou de chegar a tempo ao refeitório universitário, consequentemente, acaba se alimentando muito mal.

 

A homestay lhe proporciona a oportunidade de provar a culinária local. Além disso, é muito possível que os seus host parents queiram lhe agradar, preparando o que você mais gosta. Já os refeitórios universitários costumam ter vários tipos de culinária e gastronomia para agradar a todos os estudantes, mas mantêm um padrão fixo de refeições, que se repete com frequência.

 

4. Ter a quem procurar quando precisar de ajuda ou sentir saudades de casa.

É sempre bom ter alguém próximo a quem recorrer quando passar por qualquer tipo de dificuldade: problemas na universidade, visto, financeiro, com o banco local, etc. Em qualquer tipo de moradia, quando encontrar-se em uma situação em que orientações e conselhos sejam necessários, você pode procurar por um membro da sua universidade (geralmente da Secretaria para Estudantes Internacionais). Em uma homestay, sua host family pode ajudá-lo nestas situações e em muitas outras: correio, mercados, costumes locais, dúvidas no inglês, ligações internacionais, valores de serviços, e muito mais.

 

5. Viver a cultura de maneira completa.

A homestay proporciona a verdadeira vivencia da cultura local. A experiência será completa com os estudos em uma instituição internacional e a estadia em uma casa local. O que significa que você irá aprender sobre o sistema de ensino na sua universidade/faculdade/escola, e conviver todos os dias com os costumes e as tradições da cultura do país dentro de casa. É claro que, assim como no Brasil, cada família tem seus próprios costumes e peculiaridades, mas dá para ter uma ideia geral de como vive uma família local: comportamento, refeições, o tratamento entre eles, regras da casa, etc.

 

Leia mais:

Moradia no exterior – Qual é a melhor opção para você?

Perguntas e respostas: acomodação para estudantes no Reino Unido

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

Homestay: morar com uma família nativa

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Dê uma olhada...