Essenciais
Estude no exterior : Quando chegar lá

Mind Map: como o mapeamento mental pode ajudar nos estudos

Como o diagrama conhecido como Mind Map pode ajudá-lo a ser mais eficiente nos estudos e estimular a sua criatividade

Mind Map: como o mapeamento mental pode ajudar nos estudos
1306

O mapeamento mental, originalmente chamado de Mind Mapping, basicamentee é um tipo de diagrama que funciona como um mapa visual de suas ideias escritas em um formato radial ao redor de um pensamento central. Ele se contrapõe ao formato tradicional de anotações lineares, ou seja, tomar notas de informações linha a linha. Este estilo mais convencional em listas força-nos a isolar pedaços de informação, dificultando, assim, a capacidade de fazer conexões entre as ideias. Segundo o site iMindMap, a sua criatividade não é instigada por linhas de textos monocromáticas, o que pode acarretar na dificuldade de compreensão do que você mesmo escreveu e na falta de vontade de revisar as suas notas na hora de estudar.

 

O mapeamento mental pode ajudar os estudantes a melhorar a forma como tomam notas durante as aulas, a estimular a memória e a priorizar informações. Mas como?

 

Quais são os benefícios do mapeamento mental para os estudos?

 

Os diagramas de mapas mentais instigam os seus sentidos com elementos visuais – todas as imagens, setas, cores e curvas adicionam ênfase e lhe ajudam a se lembrar de suas anotações. Ao anotar apenas palavras-chaves, você economiza tempo enquanto assiste às suas aulas (ou, em ambientes profissionais, participa de reuniões); posteriormente, quando for usá-las para estudar, você se lembra das informações mais importantes com mais facilidade.

 

O simples ato de fazer o seu mapa mental lhe ajuda a gerar ideias. O seu cérebro faz ligações ativamente entre ideias, adiciona conexões, ordena os pensamentos e estimula a criatividade. A resposta do seu cérebro ao mapeamento mental é como uma réplica do processo natural de pensamento, sendo assim, os adeptos deste tipo de diagrama sentem que as ideias simplesmente fluem para a página, tornando os estudos mais proveitosos e menos maçantes.

 

Um exemplo de mapeamento mental:

 

 

Você pode criar quantas conexões quiser, além de usar imagens, cores e formatos diferentes. O importante é utilizar poucas palavras e soltar a imaginação.

 

Como o mapeamento mental pode ser usado nos estudos:

 

O mapeamento mental é uma ferramenta versátil. Ele pode ser usado para:

 

  • Planejar redações, trabalhos e tarefas;
  • Escrever de redações;
  • Brainstorming;
  • Gerar ideias criativas;
  • Resolver problemas;
  • Criar e fazer apresentações.

 

Você pode fazer os seus mapeamentos mentais durante as aulas, usando papel e, de preferência, canetas de diferentes cores. Há também ferramentas online, como o aplicativo iMind Map e o Mind Meinster, que permitem criar mind maps virtuais.

 

Leia mais:

A rotina de 10 minutos para se preparar para os estudos

5 técnicas de preparação para provas

Como ser produtivo em 60 segundos

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

Mind Map: como o mapeamento mental pode ajudar nos estudos

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Dê uma olhada...