Essenciais
Estude no exterior : Financiamento Estudantil

Instituições internacionais que oferecem descontos para estudantes de países Latino-Americanos

Bolsas e descontos para estudantes de países latino-americanos no Reino Unido, Estados Unidos, Canadá, Europa e Nova Zelândia

Instituições internacionais que oferecem descontos para estudantes latino-americanos
2413

Recorrer a uma bolsa de estudo pode ser a maneira ideal para você realizar o sonho de estudar em uma faculdade ou universidade no exterior, sem comprometer muito o seu orçamento. Muitas instituições oferecem bolsas para estudantes não europeus e, mais especificamente, latino-americanos, o que pode aumentar ainda mais a sua chance de ingressar em uma universidade no exterior. Confira uma lista de instituições que oferecem bolsas para esses alunos:

 

Reino Unido


Instituição: University of Westminster
Tipo de curso: Mestrado
Sobre a bolsa: destinada a estudantes latino-americanos que têm interesse em, depois de finalizar o curso, voltar para o país de origem e trabalhar para ajudar no desenvolvimento local. A bolsa inclui isenção de taxa de matrícula, acomodação, despesas pessoais e voos de ida e volta para Londres. Confira

 

Instituição: University of Birmingham 
Tipo de curso: Mestrado
Sobre a bolsa: Os alunos recebem uma ajuda financeira de £5000 para o programa de um ano de curso. O valor não cobre despesas pessoais, apenas gastos com o curso em si. As incrições encerram no dia 31 de março e os interessados precisam comprovar que têm condições financeiras de bancar o restante de suas despesas.

 

Instituição: University of Edinburgh
Tipo de curso: Pós-graduação, Mestrado e Doutorado
Sobre a bolsa: a Universidade tem parceria com alguns programas mundiais de bolsas, como Chevening, Colciencias e Santader Universidades. Após garantir uma vaga na instituição, o aluno pode aplicar para receber uma ajuda de custos, que varia de acordo com cada progama de bolsas. (Você pode conhecer as condições de cada uma delas aqui!) Além disso, é importante que o aluno tenha a intenção de aplicar o conhecimento adquirido para ajudar no desenvolvimento do país de origem. 

 

Caso nenhuma das instituições acima ofereça um curso ou programa do seu interesse, vale consultar as opções concedidas pelo governo britânico através do programa Chevening, que inclui Universidades como Oxford e Cambridge, e oferece subsídios para cobrir os custos com passagem de ida e volta e gastos pessoais.

 

Estados Unidos


Um dos programas de bolsa mais conhecidos do país é o Fulbright que oferece subsídios para cursos de graduação, mestrado, doutorado sanduíche e pós-doutorado. A OEA (Organização dos Estados Americanos) também oferece bolsas de graduação, pós-graduação e especialização em países da América do Norte. As opções incluem cursos a distância.

 

A Universidade de Harvard oferece programas específicos para alguns países da América Latina. Para conferir as exigências e benefícios, acesse o site da instituição e procure pelo nome do seu país.
 

Canadá


O governo canadense oferece um pacote de bolsas para alunos estrangeiros interessados em fazer pós-graduação ou desenvolver pesquisas no país. No site, você consegue ter acesso as opções voltadas para o seu país.

 

Além dessa opção, a University of Calgary, uma das maiores cidades do país, oferece subsídios parciais e integrais para estudantes internacionais, interessados em fazer um curso de graduação, que variam de C$ 1.000 a C$ 40.000.

 

O programa International Leader of Tomorrow, da University of British Columbia, oferece bolsas para alunos de graduação que demonstram um desempenho acadêmico superior, habilidade de liderança e envolvimento com a comunidade.


Europa 


Alemanha
O Serviço Alemão de Intercâmbio (DAAD) oferece inúmeras bolsas para alunos de todos os países, que vão desde cursos de graduação a cursos de especialização. No site, você também encontra uma ferramenta de busca onde pode achar todas as universidades alemãs que disponibilizam bolsas para alunos do seu país e o curso que você deseja. 

 

Bélgica
O programa VLIR-UOS oferece bolsas de Mestrado para estudantes da América Latina que desejam estudar em Flandres, na Bélgica. Além de oferecer bolsas integrais, os alunos ainda recebem uma ajuda de custos mensal. Fique atento nas datas de inscrição no site, pois elas variam de acordo com a sua opção. Os cursos são ministrados em inglês.


Holanda
O programa Amsterdam Excellence Scholarships (AES) oferece bolsas de mestrado de €25.000 para cobrir gastos com mensalidade e despesas pessoais de alunos não-europeus. Existe ainda a possibilidade de você conseguir prolongar o benefício por mais um ano, se precisar. Vale também ficar de olho nas bolsas da Utrecht University, que cobre os custos com mensalidade e oferece mais €10.000 para gastos pessoais. A bolsa tem no máximo dois anos de duração, para cursos de mestrado, e três anos para cursos de bacharelado. 


França 
O programa Eiffel Excellence Scholarship foi criado pelo Ministério de Negócios Estrangeiros e Desenvolvimento Internacional para atrair mais estudantes estrangeiros para os programas de mestrado e doutorado. No caso de mestrado, a bolsa inclui um subsídio mensal de € 1.181; e, para doutorado, € 1.400. O programa também pode cobrir outras despesas, como: viagem de ida e volta para o país de origem e atividades culturais. Existe ainda a possibilidade de receber um subsídio adicional para habitação.

 

Nova Zelândia


Em busca de oferecer uma mão de obra melhor qualificada para os países em desenvolvimento, a Nova Zelândia também oferece bolsas específicas para a América Latina. A ideia é que os estudantes adquiram conhecimentos e habilidades através dos cursos de pós-graduação e voltem ao seu país de origem para aplicar o que aprenderam. Os pacotes incluem ajuda com mensalidade, gastos pessoais e despesas com a viagem.

 

Post cortesia do Viva-Mundo

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

Instituições internacionais que oferecem descontos para estudantes latino-americanos

Editor - colaborador

Dê uma olhada...