Essenciais
China: informações de assunto - Leitura recomendada

3 áreas de estudo na China

Conheça algumas das áreas de estudo que podem ser consideradas o forte da educação superior na China

O que estudar na China?
408

Como a China tem recebido cada vez mais estudantes internacionais, suas instituições têm oferecido um número crescente de cursos lecionados em inglês e o ensino superior no país continua a ser 70 por cento mais barato do que em grandes destinos de estudo como Estados Unidos e Reino Unido. Se você ainda não tem certeza qual área de estudo cursar, nós temos três sugestões que são fortes do ensino superior na China.

 

Medicina Clínica

 

Em 2014, mais de 10.000 estudantes internacionais cursavam medicina na China. Muitas universidades oferecem cursos em inglês e as escolas médicas chinesas costumam ser menos rigorosas na seleção de estudantes do que as americanas e britânicas.

 

Há 49 escolas médicas aprovadas na China e todas elas são públicas. Estas instituições são reguladas pelo governo chinês e são estruturadas para preparar os estudantes para a prática global da medicina. Os diplomas acadêmicos destas escolas são reconhecidos por vários países desenvolvidos, facilitando a procura por empregos em outros locais do mundo.

 

A Peking University, a Shanghai Jiao Tong University e a Tsinghua University têm cursos de medicina renomados.

 

Engenharia

 

A engenharia é a segunda área de estudo mais popular entre estudantes internacionais após medicina, apesar de a China formar o maior número de engenheiros do mundo. Os cursos de engenharia nas universidades chinesas preparam os estudantes para se tornarem pensadores críticos e solucionadores de problemas. Além disso, a engenharia é uma das carreiras mais bem pagas no mundo.

 

Você poderá escolher entre várias opções, uma vez que as universidades chinesas têm cursos muito bons de engenharia civil, mecânica e elétrica. A Tsinghua University é considerada uma das melhores instituições na área de engenharia elétrica, enquanto a Tongji University tem excelentes programas de engenharia civil.

 

Mandarim

 

Estudar mandarim na China pode abrir muitas portas pelo mundo, para trabalhar com educação, negócios, engenharia, medicina e muito mais. A economia chinesa tem crescido rapidamente e se tornado cada vez mais importante globalmente, portanto, estudar a língua chinesa pode ajudá-lo a ter uma vantagem quando for procurar por empregos pelo mundo. Alguns países como os Estados Unidos têm inserido aulas de mandarim na grade curricular do ensino fundamental para preparar os estudantes desde cedo para o mercado global.

 

Há também oportunidades de lecionar inglês na China para quem tem fluência em ambos os idiomas – inglês e mandarim -, o que pode ser uma opção para permanecer no país após os estudos.

 

Leia também:

Por que estudar na China?

5 coisas para fazer na China

O processo seletivo na China

3 bolsas de estudo na China

Pesquise por cursos

China
Pós-graduação
SOBRE O AUTOR

O que estudar na China?

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.