Essenciais
Suécia: Inscrevendo-se em uma universidade - Leitura recomendada

O ensino superior na Suécia

Os diplomas e qualificações acadêmicas oferecidos pelo sistema educacional de ensino superior sueco

Estudar na Suécia: ensino superior
3226

A Suécia é um excelente destino de estudo por diferentes razões. A maioria dos suecos fala inglês fluentemente e 89% da população são bilíngues. O país tem uma longa história de excelência acadêmica, além de ser o berço do Prêmio Nobel. A cada ano, aproximadamente 20% dos novos estudantes universitários da Suécia são estrangeiros, o que significa que você terá oportunidades de estudar com pessoas de todas as partes do mundo.

Antes de escolher o seu curso na Suécia aqui, conheça os diferentes diplomas acadêmicos disponíveis nas instituições do país.

O sistema de ensino

O sistema de ensino superior sueco é dividido em três ciclos que representam três níveis diferentes de estudo. Os tipos de qualificações variam de acordo com o ciclo:

-Primeiro ciclo: graduação

Diploma universitário: 120 créditos acadêmicos

Bacharelado: 180 créditos acadêmicos

-Segundo ciclo: pós-graduação

Mestrado: um ano (60 créditos acadêmicos)

Mestrado: dois anos (120 créditos acadêmicos)

-Terceiro ciclo: diplomas profissionais

Licenciatura: 120 créditos acadêmicos

Doutorado/PhD: 240 créditos acadêmicos

O ano acadêmico sueco

O ano acadêmico na Suécia é dividido em dois termos de aproximadamente 20 semanas cada. O primeiro termo é o de outono que inicia no final de agosto ou no começo de setembro e termina em janeiro. O termo de primavera vai de janeiro a junho. Entre os dois termos, não há férias oficiais de verão ou de inverno (como acontece nos Estados Unidos) a não ser pelos feriados públicos – cada instituição estipula a sua.

Normalmente, os estudantes completam 30 créditos acadêmicos por termo ou 60 em um ano letivo. Entretanto, existe a opção de cursar 15 créditos durante o verão entre os termos de primavera e outono. As avaliações nas universidades suecas podem ser feitas com provas orais, projetos em grupo, apresentações de seminários, entrega de trabalhos e provas escritas no final de cada disciplina.

As instituições na Suécia incentivam o pensamento livre e independente, e o contato mais informal entre estudantes e professores. Os estudantes são encorajados a pensar criticamente para se desenvolverem social e intelectualmente. As aulas têm um número pequeno de alunos para todos possam participar de diálogos, discussões, colaborações e debates. As universidades fazem questão de manter seus professores acessíveis para dar atenção individual a cada estudante na sala e além do horário de aulas.

Leia mais:

Como aproveitar o inverno polar na Suécia

Destino de estudo: Estocolmo

Suécia discute a permanência de estudantes estrangeiro no país após a graduação

Pesquise por cursos

Suécia
Graduação
SOBRE O AUTOR

Estudar na Suécia: ensino superior

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Leitura recomendada