Essenciais
Reino Unido: Acomodação

Acomodações estudantis no Reino Unido

Os diferentes tipos de acomodações para estudantes internacionais no Reino Unido: halls residenciais, dormitórios acadêmicos, aluguel particular, apartamentos compartilhados, etc.

Acomodações estudantis no Reino Unido
1771

O Reino Unido tem algumas das mais renomadas universidades do mundo, além de ter várias cidades que funcionam como centros profissionais e econômicos internacionais. Não é à toa que milhares estudantes do mundo inteiro escolher o país como destino de estudo no exterior ano após anos. Com uma demanda tão grande por vagas, a tarefa de encontrar um lugar para morar no Reino Unido pode ser intimidante. Mas não se preocupe! Com o nosso guia, você aprenderá um pouco sobre todas as opções disponíveis de acomodação enquanto você estuda na terra da Rainha.

Dica: tire sempre as suas dúvidas em relação à acomodação com sua universidade. Utilize o botão "Mais informações" no Hotcourses Brasil para enviar emails diretamente a instituições britânicas.

Atenção: £ 1 = € 1,20 = US$ 1,66 = R$ 3,90

ON-CAMPUS – Acomodações dentro do campus

Quase todas as universidades do Reino Unido oferecem aos estudantes a chance de morar em dormitórios em prédios residenciais dentro do campus. Como a quantia de vagas é limitada, este tipo de acomodação normalmente dá prioridade de reserva a novos estudantes durante o primeiro ano de graduação. Os dormitórios podem ser particulares ou compartilhados, em halls residenciais dentro ou muito próximos do campus universitário. Todos os halls universitários britânicos, assim como vários halls privados, passam por sistemas de acreditação para manterem-se dentro dos padrões de qualidade.

A maioria das universidades garante um lugar em um hall para os estudantes do primeiro ano, se você aceitar a carta de admissão da instituição e se inscrever na acomodação dentro das datas certas. Os contratos de aluguel duram 40 semanas (um ano letivo) e incluem o valor de uma entre duas opções de refeição (self-catered, na qual o estudante prepara sua própria alimentação em uma cozinha disponível pela universidade, ou meal plan, na qual o estudante cria um plano de alimentação para fazer suas refeições nos refeitórios da instituição). Morar no campus é uma excelente forma de se inserir na agitação da vida acadêmica integralmente. Como novatos, todos os estudantes do primeiro ano estarão no mesmo barco: recém-chegados à instituição, sem conhecer ninguém. Fazer amizades com outros estudantes fica bem mais fácil morando em um hall residencial. Além disso, estas acomodações costumam criar uma sensação de comunidade e organizar eventos sociais projetados especialmente para que os moradores conheçam uns aos outros. Uma acomodação dentro do campus dá independência ao estudante e, ao mesmo tempo, livra-os de lidar diretamente com proprietários ou de se preocupar em pagar as contas mensais (como água, internet e energia), pois elas já estarão inclusas no valor pago à universidade pelo seu dormitório.

Cada hall tem opções diferentes de dormitórios, instalações e valores de aluguel. Portanto, faça uma pesquisa minuciosa e tire todas as suas dúvidas antes de preencher o seu formulário de inscrição por uma acomodação. Normalmente, estudantes não-europeus pagam valores um pouco mais caros que estudantes vindos da Europa – a University of Portsmouth, por exemplo, cobra aproximadamente £ 250 semanais de estudantes não-europeus e £ 111 de europeus.

Aprenda mais sobre a acreditação de acomodações estudantis pelos sites UUK e ANUK/Unipol.

OFF-CAMPUS – Acomodações fora do campus

Muitas universidades também têm acomodações fora do campus e/ou mantêm parcerias com agências de moradias estudantis para fornecer opções adicionais aos seus estudantes. Este é o tipo de acomodação mais comum para estudantes no segundo e terceiro ano de graduações e também em pós-graduações. Estas propriedades são, normalmente, apartamentos ou casas estudantis. Por exemplo, a University of Lincoln gerencia um número de residenciais e blocos de apartamentos fora do campus com uma variedade de opções de dormitórios. Os estudantes podem alugar um quarto em um dos 22 apartamentos de Brayford Court, com cozinha e sala compartilhadas com três a seis pessoas. Para o ano acadêmico de 2014-2015, o valor do aluguel ia de £ 4.290,24 a £ 4.798,08 anuais, mais um depósito de £ 390 (que é devolvido no final do contrato, caso a propriedade não tenha sofrido nenhum dano). Neste valor, estão inclusas as contas mensais e internet.

A sua universidade também pode ajudá-lo a entrar em contato com proprietários particulares de confiança na região do campus. Estes locadores são analisados pela instituição e deixarão de constar na lista de contatos se outros estudantes não tiverem boas experiências com o aluguel de suas acomodações.

Quando você aluga um imóvel com a colaboração de sua universidade britânica, ela não só protegerá os seus interesses com o proprietário, como também poderá fornecer serviços adicionais, entre eles, suportes e orientações.

Halls residenciais privados

Esta é uma opção de acomodação estudantil relativamente nova que surgiu para atender à alta demanda por alojamentos nos centros das cidades. Estas propriedades são casas compartilhadas, com aproximadamente quatro ou cinco quartos individuais, normalmente no estilo suíte, e cozinha e áreas comunais compartilhadas. Um quarto neste tipo de acomodação costuma ser mais caro que em halls dentro do campus e são direcionados a estudantes a partir do segundo ano de estudos.

Por exemplo, estudantes da University of Bristol podem alugar um dormitório no Holly Court Studios, um hall privado logo em frente ao campus. Há três opções: dormitórios, flats e apartamentos, alguns com cozinhas particulares. Os valores vão de £ 140 semanais, por um quarto duplo, a £ 205 semanais por um flat grande com cozinha particular. Todos os valores de alugueis já incluem as contas mensais.

Visite o site My Student Halls.

Agências estudantis e aluguéis particulares

Há uma variedade de agências britânicas de moradia que lidam diretamente com acomodações estudantis. Elas operam como qualquer outra agência imobiliária; não há limite no valor do aluguel, tudo irá depender da localização e do estilo da acomodação e também, é claro, do seu orçamento. Apesar de as agências cobrarem taxas adicionais de registro e pelos serviços oferecidos, o estudante terá a vantagem de trabalhar diretamente com um profissional para encontrar uma acomodação perfeita. Por exemplo: uma das maiores agências de acomodação estudantil do Reino Unido é a UNITE, que oferece aos estudantes as opções de aluguel de um quarto em um flat compartilhado ou, então, o aluguel de um flat particular. Todos os quartos têm áreas de estudo particulares e internet e a maioria tem banheiros individuais. As contas mensais já estão inclusas no valor do aluguel.

Os estudantes também podem escolher alugar uma propriedade particular diretamente com o proprietário. O aluguel de um quarto em um apartamento ou uma casa compartilhada sai muito mais barato que viver em um hall universitário, principalmente se você escolher uma instituição em Londres. O valor semanal de um apartamento com três camas em Camden, um distrito londrino, por exemplo, é de aproximadamente £ 829 no total (ou seja, este número será dividido entre três pessoas que compartilham o mesmo apê); enquanto uma propriedade semelhante em Hackney, outro distrito de Londres, custará £ 515 semanais (excluindo as contas utilitárias). Em Manchester, no entanto, a mensalidade de um apartamento particular para um estudante sairá por £ 636.

Apesar de esta ser uma acomodação que proporciona bastante independência ao estudante, há a desvantagem de precisar lidar diretamente com o pagamento de contas mensais como água, energia, internet e televisão (há uma taxa a ser paga para ter um aparelho em casa no Reino Unido).

Todas as suas opções em relação à acomodação devem ser verificadas diretamente com a sua universidade britânica. Normalmente, as instituições possuem secretarias especializadas em ajudar seus estudantes a encontrar o lugar ideal para morar durante a estadia no país. Eles saberão lhe informar o contato de proprietários de confiança que estão acostumados a alugar para estudantes internacionais.

DICAS EXTRAS

Se você alugar uma propriedade particular ou algum imóvel com a ajuda de uma agência, certifique-se de ter o número direto do proprietário. Se você tiver qualquer problema, como um cano entupido ou um banheiro alagado, ligue diretamente para ele. A agência não é obrigada a lhe ajudar, ela também entrará em contato com o proprietário; por isso, o processo é agilizado se você mesmo fizer a ligação. Se, por acaso, o proprietário não atender suas ligações, aí sim você deve entrar em contato com a agência ou com algum órgão do governo. Fique atento: se o proprietário parecer relutante em lhe informar o seu número de contato pessoal ou em atender suas ligações, é melhor reconsiderar o seu contrato.

Se você for alugar alguma propriedade em conjunto com outras pessoas, verifique o tempo de permanência de cada uma no contrato, para que você não acabe pagando o valor total do aluguel quando alguém se mudar.

E, por último, SEMPRE peça a orientação de sua universidade durante a sua escolha por uma acomodação estudantil no Reino Unido.

Leia mais:

O processo seletivo no Reino Unido

O Ensino Superior no Reino Unido

Entrevista com a University of Sheffield: acomodação para estudantes no Reino Unido

Pesquise por cursos

Reino Unido
Graduação
SOBRE O AUTOR

Acomodações estudantis no Reino Unido

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

GRATUITO

eBook 'Estudar no Reino Unido'

Gostou da leitura? Nós reunimos os principais tópicos sobre estudar no Reino Unido em um só livro digital.

Dê uma olhada...