Essenciais
Reino Unido: Inscrevendo-se em uma universidade

Entrevista: o processo seletivo para pós-graduação no Reino Unido

Liliane está cursando uma pós-graduação na Regent’s University, Londres; ela conversou com o Hotcourses sobre o processo de inscrição no curso e solicitação de visto

Entrevista: o processo seletivo para pós-graduação no Reino Unido
1893

Liliane Tintiliano, 34, é formada em Negócios da Moda pela Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo. Ela passou recentemente pelo processo de seleção para pós-graduação na Regent’s University, em Londres, Reino Unido, onde está estudando atualmente, e compartilhou sobre a sua experiência com o Hotcourses Brasil.

 

Quais motivos te levaram a optar por um curso em Londres? Qual é o seu curso?

 

Optei por Londres por ser uma das capitais mundiais da moda e  por toda a história envolvida. O jeito que a história britânica e a moda se entrelaçam é fascinante. Também por ser uma cidade multicultural onde sou inspirada todos os dias por tantas pessoas de estilos diferentes.    Estou fazendo pós-graduação em Fashion Buying and Merchandising pela Regent’s University.

 

 

Como foi a comunicação com a Regent's University London? Eles estavam sempre à disposição e ajudaram durante o processo de inscrição?

A comunicação com a universidade foi muito boa.  Eles estavam sempre prontos a responder minhas dúvidas por e-mail em um curto espaço de tempo. Inclusive, durante o processo de aplicação eles me ligarem perguntando se eu tinha alguma dúvida.

 

Quais documentos você precisou providenciar para a sua inscrição no mestrado?

 

A aplicação para o curso foi toda online através do site da Regent’s. Com relação aos documentos, primeiro enviei os que foram pedidos no site: certificado de proficiência em inglês, diploma da Universidade,  histórico escolar,  personal statemet, e uma carta de recomendação acadêmica. Todos originais em português e os traduzidos oficialmente para o inglês. Depois de analisarem essa documentação, me foi pedido: minha média geral global (GPA), critério de avaliação da Universidade e meu CV.

 

Depois de toda documentação aprovada, foi marcada uma entrevista de 30 minutos pelo telefone, onde perguntaram um pouco da minha vida, minha formação, minha experiência de trabalho, e o que eu esperava do curso.

 

Passando aentrevista, fui parcialmente aceita e começou a segunda parte de documentos para a liberação do CAS (Confirmation of Acceptance of Studies Number), o qual é um numero usado para a aplicação do visto, no meu caso o Tier4. Nessa etapa me foi pedido um extrato bancário mostrando fundos suficientes para cobrir custo da mensalidade e custo de vida no UK, e uma carta do banco confirmando o valor. No meu caso, tive um apoio fundamental que foi do meu pai, então também tive que apresentar minha certidão de nascimento e uma sponsorship letter (carta de suporte financeiro) do meu pai.  Depois da documentação aprovada, o CAS é liberado, e só então posso aplicar para o visto.

 

Você precisou prestar o IELTS? Como foi a experiência? A universidade tem exigências quanto à nota para a admissão em uma pós-graduação?

 

Com relação ao certificado de inglês, a Regent’s aceita alguns além do IELTS.  Eu já possuía o CAE – Cambridge Advanced English level C1. O nível mínimo exigido é o B2 com média mínima de 5.5 em cada área. 

 

Mas fiquei em dúvida se para a aplicação do visto o Cambridge seria aceito, pois no site do governo eles só listam o IELTS com validade de dois anos, como prova de proficiência em inglês. Então, apesar da universidade ter aceitado o Cambridge, eu prestei o IELTS. Ao contrário do CAE, que eu fiz o preparatório e a prova em Londres, o IELTS eu estudei sozinha com ajuda de livros e aulas online.

 

E a solicitação do seu visto de estudante, como foi?

 

A solicitação do visto foi rápida. O visto exigido para uma pós-graduação de duração de mais de seis meses é o Tier4. Primeiramente tive que entrar no site do governo britânico e preencher o processo de solicitação de visto.

 

Depois de preenchido o formulário e pago todas as taxas (Visa application and Immigration Health Surcharge - IHS), agendei um horário no centro oficial de solicitação de visto (VFS Global). Levei todos os documentos originais e cópias que a universidade já tinha pedido, meu passaporte, o processo de solicitação de visto e o CAS. Chegando lá, todos são entregues a um oficial, é tirada uma foto e coletadas suas impressões digitais (conhecido como submissão de informações biométricas). Depois é feita uma entrevista por Skype no próprio centro com um oficial do Reino Unido, perguntando os motivos de eu ter escolhido estudar em Londres, e meus planos futuros. O prazo para a resposta e devolução dos documentos e passaporte com o visto é de 15 dias úteis. Tive a grande felicidade de ter minha aplicação aprovada e dar início a minha nova vida no Reino Unido.

 

Quais foram suas primeiras impressões durante estas primeiras semanas de aulas? Como está o seu processo de adaptação?

 

Tive uma ótima impressão da universidade. Primeiramente, ela é localizada no coração de um dos parques mais bonitos de Londres, o Regent’s Park.  Os alunos são de toda parte do mundo, o que nos ajuda a trocar as mais diferentes informações e conhecer novas culturas. Todos que trabalham na Universidade são bem prestativos, na primeira semana tivemos o que eles chamam de “induction week” onde foi apresentado o campus e todas as facilidades, e também tivemos cocktail parties para ter a chance de conhecer e socializar com alunos de outros cursos.

 

Por eu já ter morado aqui, e visitado outras vezes, já me sinto bem adaptada. Já conheço bem toda a cidade e já estou acostumada com a cultura britânica. Só acho um pouco difícil me adaptar ao clima, mas Londres oferece outras vantagens, como a educação, segurança e uma melhor qualidade de vida

 

 

Onde você está morando? Como encontrou a acomodação?

 

Eu moro em North London, zona 2, com fácil e rápido acesso ao centro. Moro com meus melhores amigos que já vivem aqui há alguns anos. Se não tivesse eles aqui, provavelmente procuraria acomodação pelo spareroom.co.uk. Chequei a acomodação que a universidade oferece, mas o valor era muito alto.

 

O que está achando da sua Universidade? Como são as suas aulas e a dinâmica em sala de aula? Muito diferentes da cultura acadêmica brasileira?

 

As aulas são bem dinâmicas, parte do curso inclui “field trips” (viagens de campo) para eventos de moda exclusivos, exposições e museus da moda. Também recebemos profissionais da área que falam um pouco do trabalho e nos ensinam a como entrar nesse meio. A parte acadêmica é bem parecida com a brasileira. Para esse primeiro termo ainda não temos um trabalho único de conclusão de curso, apenas apresentação de projetos para cada matéria no fim do termo.

 

Pesquise:

Cursos de moda em Londres

Cursos de pós-graduação no Reino Unido

 

Leia mais:

Entrevista: brasileira viaja por dois anos como nômade digital

Brasileiro conta sobre sua experiência na London School of Economics

Entrevista: brasileira compartilha os benefícios da experiência de estudos na Itália

Pesquise por cursos

Reino Unido
Pós-graduação
SOBRE O AUTOR

Entrevista: o processo seletivo para pós-graduação no Reino Unido

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

GRATUITO

eBook 'Estudar no Reino Unido'

Gostou da leitura? Nós reunimos os principais tópicos sobre estudar no Reino Unido em um só livro digital.

Dê uma olhada...