Essenciais
Reino Unido: Informações essenciais - Leitura recomendada

Aterrissando no Reino Unido

Aterrissando no Reino Unido
703

Aterrissar em um país inteiramente desconhecido pela primeira vez parece um pouco assustador. A situação pode agravar um tantinho se você tiver que se virar sozinho. Chegar ao aeroporto, carregar as malas, começar a usar libras ao invés de real, procurar por transporte até a sua moradia no exterior... São várias coisas a se planejar. Se a chegada for um tanto estressante, seja qual for o motivo, o estudante corre o risco de julgar o livro pela capa, e temer os meses que virão. Compreensível, mas completamente errado. Aeroportos são mesmo agitados e, aos poucos, como estudante no exterior, você aprenderá a se virar sozinho no país tranquilamente. Portanto, para que a aterrissagem nas terras do Reino Unido seja tranquila, aqui vão algumas dicas de como prepará-la com antecedência.

Planejando com antecedência

Mesmo sendo um território relativamente pequeno, o Reino Unido (Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte) possui muitos aeroportos e inúmeros voos para uma variedade imensa de destinos, nacionais e internacionais. Mesmo pequenas cidades possuem algum tipo de aeroporto. Por isso, se você não estiver em um voo direto para Londres, Manchester e Edimburgo, é bem possível que tenha que fazer conexões de voo, ou seja, descer em um primeiro aeroporto em outra cidade qualquer para trocar de voo e, aí sim, viajar para o seu destino final.

Além disso, cidades grandes costumam ter mais de um aeroporto internacional (Londres, por exemplo, tem cinco!). Por isso, cheque com cuidado o caminho que você deverá percorrer do aeroporto que você irá aterrissar até a sua acomodação na cidade – o trajeto pode ser, obviamente, completamente diferente dependendo do aeroporto e do bairro onde irá residir. Se você não estiver disposto a carregar as suas malas com você logo de cara em transportes públicos, quase todo aeroporto do Reino Unido tem pontos de táxi logo nas saídas. Lembre-se de já trazer uma quantia disponível de libras com você para pagar a corrida.

Prepare os seus documentos

Uma parte crucial de uma viagem internacional, principalmente a estudos, é checar várias vezes se você está trazendo consigo todos os documentos necessários. Isto não só inclui o seu passaporte e as passagens. Tenha com você os seus documentos referentes ao visto de estudante. É importante que o seu pedido pelo visto tenha sido aceito antes da viagem e que você tenha papéis que comprovem a aprovação, caso contrário a sua entrada não será permitida no Reino Unido.

Da mesma forma que acontece nos aeroportos americanos, antes mesmo de buscar as suas bagagens, você será encaminhado para uma entrevista com a Imigração. Serão duas filas: uma para pessoas de países da União Européia (EU), da Área Econômica Européia, e da Suíça; uma segunda fila para todas as outras nacionalidades. Como um não-europeu, nós brasileiros temos que entregar nosso cartão de desembarque na entrevista em um dos guichês da Imigração com informações pessoais como data de nascimento, nacionalidade e ocupação (estudante, no caso). O cartão de desembarque será entregue pela companhia aérea e deve ser preenchido com antecedência, durante o voo.

Um funcionário da Imigração irá checar o seu passaporte e documentação do visto. Outros documentos essenciais são: comprovante de matrícula na instituição do Reino Unido, o resultado do seu TOEFL ou IELTS, documentos que comprovem que você tem onde morar no país, comprovantes de recursos financeiros ao seu dispor, entre outros. As perguntas serão feitas e devem ser respondidas em inglês. E, mesmo que você não tenha que passar por nenhum teste no momento da entrevista, o funcionário da Imigração deve ficar satisfeito com o seu inglês – se você consegue entender o que lhe é dito e se expressar no idioma.

Toda a documentação citada deve ser mantida em suas bagagens de mão, aquelas que vão com você dentro do compartimento acima do seu assento no avião. Se estiver trazendo com você uma quantia maior que £6.750,00 (em dinheiro, draft ou cheque), terá de declará-lo em um formulário providenciado durante o voo para ser preenchido e uma cópia para que mantenha com você.

Se algo der errado?

O processo todo não deve causar muitas dúvidas e para qualquer problema os funcionários do aeroporto estarão dispostos a lhe orientar. Mas, caso algo dê errado, aconselhamos que leve sempre com você os contatos da sua universidade. Uma ligação e eles poderão esclarecer suas dúvidas, até mesmo na entrevista com a Imigração.

Pesquise por cursos

Reino Unido
Por Nível de Ensino*
SOBRE O AUTOR

Aterrissando no Reino Unido

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

GRATUITO

eBook 'Estudar no Reino Unido'

Gostou da leitura? Nós reunimos os principais tópicos sobre estudar no Reino Unido em um só livro digital.