Skip to Content

Sobre a Azusa

Líder no Conselho de Universidades & Faculdades Cristãs

A Azusa Pacific University (APU) oferece mais de 80 programas de bacharelado, mestrado e doutorado, no seu campus, online e em sete centros regionais espalhados pelo sul da Califórnia. A APU ficou entre as "Melhores Faculdades’" nos últimos sete Relatórios da U.S. News & World.

Localizado em 52 hectares, o East Campus (Campus Leste) é casa de instalações administrativas, salas de aulas, prédios residenciais, uma biblioteca, centro estudantil, e ginásio. Já o West Campus (Campus Oeste), de 53 hectares, é casa da Escola de Enfermagem, Ciências Aplicadas e Comportamentais, Educação, Escola de Teologia, duas bibliotecas, o Centro de Eventos Richard e Vivian Felix, o Complexo Acadêmico John e Marilyn Duke, a Sala de Oração Barbara e Jack Lee, e de mais inúmeras salas de aulas e secretarias. Completado em 2009, o novo Centro de Ciências Segerstrom, de mais de 6.600 m² e 54 milhões de dólares, serve para estudos multidisciplinares e ao uso da comunidade estudantil geral. Clima moderado, predominantemente quente e seco durante todo o ano.

Missão – “A Universidade Azusa Pacific é uma comunidade cristã evangélica de discípulos e estudiosos que buscam avançar o trabalho de Deus no mundo, através da excelência acadêmica nas artes liberais e programas profissionais de nível superior que encorajem os estudantes a desenvolverem uma perspectiva Cristã a respeito da verdade e da vida.”
 
Ano acadêmico:
Graduações: Dois semestres, no início de setembro até meados de dezembro, e de meados de janeiro até o início de março; mais duas sessões durante as férias de verão.

Pós-Graduações: Duas sessões no outono - de setembro a outubro, e de novembro a dezembro; duas sessões na primavera - de janeiro a fevereiro, e de março a abril; mais duas sessões nas férias de verão.

Nossa história
A Azusa Pacific University foi criada em 1899, quando um grupo de líderes espirituais de diferentes denominações se encontrou em Whittier, Califórnia. A Escola de Treinamento para Trabalhadores Cristãos, a primeira faculdade Bíblica, fundada na Costa do Oeste, tinha como intuito preparar seus alunos para serviços e esforços missionários. A primeira turma de estudantes reuniu-se no dia 3 de Março de 1900, com Mary A. Hill como a primeira presidente.

A instituição então se mudou três vezes antes de ser instalada em Huntington Park, em 1907. Em 1939, a Escola de Treinamento tornou-se a Faculdade Pacific Bible e passou a oferecer graduações com a duração de quatro anos. Também em 1939, Cornelius P. Haggard, Th.D., foi escolhido para liderar a escola. Os primeiros anos de Haggard como presidente foram repletos de adversidades – as matrículas estavam em baixa e as doações do ano anterior totalizavam apenas U$27. Dentre suas muitas realizações, Haggard iniciou várias campanhas inovadoras de doação, incluindo o Jantar Anual de Rally, que acontece até os dias de hoje. Haggard foi presidente da faculdade por 36 anos, até o seu falecimento em 1975.

Em meados de 1940, a Faculdade Pacific Bible expandiu seu campus em Huntington Park. O Conselho de Curadores decidiu comprar uma escola de 12 alqueires só para meninas na cidade de Azusa. Em 1947, foram iniciadas as aulas no novo campus, e em 1956, o nome da faculdade mudou para Faculdade Azusa (Azusa College).

Em 1965 a Azusa uniu-se à Faculdade Los Angeles Pacific, uma instituição de artes liberais com cursos de quatro anos de duração fundada em 1903, adotando o nome de Faculdade Azusa Pacific. Três anos depois, ela fundiu-se novamente, desta vez com a Faculdade Arlington, fundada em 1954. Tendo conquistado a posição de universidade, em 1981, a faculdade mudou seu nome para Azusa Pacific University.

Depois da morte de Haggard, Paul E. Sago (Ph.D.) tornou-se o novo presidente, ficando no cargo até 1989. Dentre suas muitas realizações, Sago encorajou o crescimento e o desenvolvimento de centros educacionais fora do campus (na região sul da Califórnia) e presidiu a inclusão de programas de mestrado e o desenvolvimento das escolas pertencentes à universidade.

Em 1990, foi a vez de Richard E. Felix, Ph.D., tornar-se presidente. Felix vislumbrou uma universidade cristã que oferecesse para homens e mulheres a oportunidade de obter não apenas o bacharelado e o mestrado, como também o doutorado. Felix foi fundamental para o início do primeiro programa de três anos de doutorado na universidade. Esse crescimento necessitava de uma ênfase na missão Cristã histórica da escola renovada e priorizava serviços e a construção da comunidade. Felix redefiniu os seguintes valores como sendo os princípios fundamentais da universidade: Cristo, Conhecimento, Comunidade e Serviço; e foi responsável pela construção de sete novos prédios, pela duplicação do número de estudantes e pela quadruplicação dos programas de pós-graduação. Sua aposentadoria foi anunciada em abril de 2000, após a celebração do centenário da universidade.

O Conselho de Administradores elegeu, com votos secretos, o vice-presidente executivo Jon R. Wallace, DBA, para ficar no lugar de Felix, como o 16º presidente da Azusa Pacific, efetivado em 27 de novembro de 2000. Durante a sua presidência, foram criados os programas de Mestrado de Belas Artes, Mestrado de Trabalho Social, e Doutorado de Enfermagem. Estimulada pelo objetivo de Wallace em reconhecê-la como a primeira universidade cristã, hoje, a Azusa Pacific University procura oferecer oportunidades de bolsas de estudo transformadoras no contexto comunitário e é dedicada à prática de serviços abnegados. A compreensão desta missão da APU guia todos os seus cursos e ações.

Além disso, a missão Wallace dá ênfase ao comprometimento com a comunidade local, proporcionando experiências além das salas de aulas aos estudantes. O Centro de Bem-Estar da Vizinhança, por exemplo, é uma clínica da universidade onde os estudantes de enfermagem oferecem serviços ao público; e o Programa de Leitura da Azusa ensina as crianças locais a ler. O Semestre High Sierra (formalmente Programas de Grandes Trabalhos; Great Works Program) teve início no outono de 2001, oferecendo aos estudantes a oportunidade de estudar a arte, a música e o pensamento clássicos do Oeste, nas belíssimas montanhas de Sierra Nevada. A APU também oferece o Termo Los Angeles, o Programa Oxford da Azusa, oSemestre África do Sul e mais de 40 oportunidades de estudos internacionais e nacionais.

Wallace também supervisionou a conclusão do prédio residencial no campus, o Trinity Hall, e do Complexo Acadêmico John e Marilyn Duke, em 2013. O Complexo Acadêmico Duke ganhou novas salas de aulas e secretarias e também a Academia Noel de Liderança e Educação, a Escola de Teologia, uma biblioteca, e mais.

Além disso, em 2009 a Azusa Pacific concluiu o projeto mais importante de sua história sob o ponto de vista fiscal: a construção do Centro para a Ciência Segerstrom, uma instalação acadêmica de três andares e 72.000 m² localizada no campus Oeste. O centro inclui uma sala de leitura com 90 acentos, 23 salas de aulas para disciplinas específicas, três salas de aulas para propósitos diversos, 37 laboratórios de pesquisa e ensino, salas de ressonância nuclear magnética, salas com microscópios eletrônicos e áreas de uso comum.

Durante os anos, os programas atléticos da APU também se destacaram. Atualmente, os programas intercolegais da universidade contam com 17 equipes, incluindo as mais recentes de pólo aquático feminino e as equipes de natação e mergulho. Desde 2005, os programas atléticos da APU ganharam seis vezes consecutivas a Copa dos Diretores da National Association of Intercollegiate Athletics (NAIA), um marco sem precedentes. Além disso, a APU faz parte da Conferência de Atlética Estadual de Ouro (Golden State Athletic Conference - GSAC).

Mais de um século após a sua fundação, a Azusa Pacific University ainda serve como uma universidade cristã evangélica, dedicada a Deus em primeiro lugar, e a excelência acadêmica. A instituição oferece mais de 53 graduações, 21 credenciais, sete doutorados e cinco certificados, a mais de 9.200 estudantes. Um membro do Conselho de Faculdades e Universidades Cristãs e reconhecida entre as melhores escolas da nação, a APU oferece programas acadêmicos de qualidade, no campus, online e em sete centros regionais.

No que a Azusa Pacific acredita?
Sendo uma universidade evangélica cristã, a Universidade Azusa Pacific declara a supremacia de Cristo em todas as áreas da vida, e essas crenças e valores são o coração da universidade. Saiba mais sobre como a universidade exercita sua fé lendo os seguintes documentos.

Clique aqui para saber a posição da APU em rankings.

Links úteis
Matérias sobre a APU