Essenciais
Estude no exterior : Perspectivas profissionais

10 dicas para encontrar um emprego como estudante internacional

As dez melhores dicas para encontrar um emprego no exterior como estudante internacional

10 dicas para encontrar um emprego como estudante internacional

Encontrar um emprego depois da universidade é o sonho de todo graduado. Após anos de trabalho árduo e de estudos até tarde da noite, é hora de entrar no mundo profissional para ganhar um salário e as experiências que você fez por merecer. Mas é fácil encontrar trabalho tendo se formado no exterior? Bem, primeiramente, a resposta depende se você tem permissão para permanecer no país para trabalhar após os estudos. Este deve ser seu primeiro passo se você deseja permanecer no seu destino de estudo ou mudar para outro país.

 

Você deve solicitar um visto de trabalho para que possa permanecer legalmente. Depois de resolver isso, é hora de começar a procurar por um trabalho. Independente do tipo de carreira que você quiser construir, você encontrará outros graduados se candidatando para as mesmas funções. Portanto, para ter a melhor chance possível de garantir uma vaga, siga estas dez dicas fáceis ao procurar um emprego como estudante internacional.

 

1. Fale com a equipe de carreiras da universidade

 

Não se esqueça de que muitos alunos se formaram antes de você e eles terão sentido o mesmo medo de deixar a faculdade para entrar no mundo profissional. É por isso que as universidades e faculdades internacionais tendem a ter seus próprios serviços de carreira com especialistas treinados para lhe indicar a direção certa.

 

Você pode discutir suas qualificações, objetivos e preocupações. Além disso, as universidades geralmente têm conexões estreitas com certas indústrias e empresas que podem estar abertas para contratar graduados ou oferecer programas de pós-graduação a quem for qualificado.

 

Portanto, a sua própria universidade é um excelente ponto de partida para descobrir oportunidades de trabalho quando você se formar ou mesmo durante os estudos, se você deseja fazer um estágio.

 

2. Networking

 

Existem diferentes maneiras de fazer networking para encontrar um emprego. Em primeiro lugar, você pode pesquisar online para encontrar eventos de networking relevantes para o setor em que deseja entrar. Você pode falar com amigos, seus professores ou familiares para ver se eles têm algum contato útil que você possa contatar.

 

Isso tudo pode parecer assustador no início, mas depois de perguntar por aí, você verá que realmente não é tão ruim e é uma prática bastante comum e natural para quem está tentando começar uma carreira. Você pode conhecer alguém que conhece alguém que está procurando alguém para preencher uma função que seria ótima para você. Nunca se sabe se não tentar!

 

O que é networking

 

Durante os estudos, participe de todos os eventos de networking que a sua universidade organizar no campus – feiras de carreira, palestras, workshops, visitas de campo e muito mais.

 

Leia também: Como os seus contatos são o seu melhor trunfo?

 

3. Feiras de carreiras

 

Quer você saiba em qual campo deseja trabalhar ou não, as feiras de carreiras podem ser uma ótima maneira de encontrar empregadores para aprender mais sobre seu ramo de trabalho.

 

Esses eventos costumam ser administrados pela sua universidade/faculdade e são direcionados a todos os alunos, mas em especial aos do último ano de graduações. Essa também é uma ótima oportunidade para saber mais sobre empregos, cursos de pós-graduação e os critérios que você precisa atingir para ser considerado às vagas de seu interesse.

 

Antes de participar de uma feira, pesquise sobre os tipos de empresas que vão comparecer e anote algumas perguntas a serem feitas. Isso irá prepará-lo para conversas com empregadores e garantir que você obtenha as respostas certas de que precisa.

 

4. Verifique os sites de vagas de empregos

 

Uma maneira popular e rápida de encontrar um emprego é procurando em sites confiáveis, como o Jooble, Even, LinkedIn, Reed e outros. Isso vai depender do país em que você está.

 

Esses sites anunciam todos os tipos de empregos e você pode usar filtros para especificar o que você está procurando. Também é possível se candidatar a empregos diretamente enviando seu currículo e uma carta de apresentação.

 

Ao usar esses sites, você gradualmente terá uma ideia mais clara do que os empregadores estão procurando, conforme consta na descrição do candidato desejado. Você pode então começar a adaptar seu currículo de acordo com a descrição do cargo recomendada para qualquer candidatura.

 

5. Contate uma agência de recrutamento

 

Se estiver com dificuldades para encontrar trabalho ou precisar de mais suporte, você pode se inscrever em uma agência de recrutamento, que geralmente é gratuita. Um recrutador perguntará que tipo de trabalho você está procurando, suas qualificações e expectativas de salário. E aí lhe enviarão vagas em potencial.

 

Inscrever-se em uma agência de recrutamento também pode aliviar o estresse da procura de emprego. Basicamente, outra pessoa é contratada para ajudá-lo a encontrar trabalho - viva!

 

6. Prepare seu currículo

 

Preparar o seu currículo para trabalhar no exterior

 

Uma dica extremamente importante é certificar-se de que seu currículo esteja atualizado e formatado profissionalmente. Embora sua cópia mais recente possa ter lhe dado aquele emprego no café da união estudantil, provavelmente precisará de ajustes para se adequar à função para a qual você está se candidatando.

 

Sempre há competição ao se candidatar a empregos e, por isso, é importante ter certeza de que não está perdendo chance por erros ortográficos ou gramaticais. Você pode até precisar alterar seu currículo para cada função para a qual se candidata, para que o empregador possa ver que você é o mais adequado para a função específica que ele está oferecendo.

 

Leia Também: 40 mudanças no currículo que irão deixá-lo mais profissional

 

7. Ganhe experiência de trabalho

 

Uma maneira de se diferenciar dos outros candidatos depois de se formar é mostrando que já trabalhou em um ambiente profissional anteriormente. Embora obter um diploma de qualidade seja impressionante, os empregadores também procuram interesses e experiências relevantes.

 

Mas a gente sabe que nem sempre é fácil conseguir um estágio ou emprego durante os estudos, quando você ainda está aprendendo sobre a área. Por isso, também temos esse texto sobre como conseguir experiência profissional sem experiência profissional.

 

No exterior, no geral há quatro opções mais comuns:

 

 

Ter pelo menos uma dessas experiências vai realmente impulsionar seu currículo e ajudá-lo a conseguir um emprego.

 

No entanto, você precisa ser organizado. É aconselhável que os alunos ganhem experiência de trabalho durante o primeiro ou segundo ano, para não perder tempo do último ano.

 

As inscrições para estágios de verão em lugares como o Reino Unido e o Canadá geralmente abrem entre setembro e outubro com prazos de novembro a abril, mas certifique-se de verificar direto com as organizações de seu interesse.

 

8. Estude bastante

 

Isso pode parecer óbvio, mas vivemos em um mundo onde as notas são importantes. Se você não tiver as notas que esperava, nem tudo está perdido. Experiência, personalidade e motivação também são desejáveis, mas ter as notas exigidas geralmente é o primeiro obstáculo para conseguir uma vaga.

 

Para algumas funções e esquemas de pós-graduação, um sistema de filtragem é usado para iniciar o processo de seleção com base nas notas obtidas. Portanto, antes de começar a gastar todo o seu tempo e energia em estágios de trabalho e voluntariado, certifique-se de também se empenhar no seu trabalho acadêmico.

 

Isso pode ser um ato de equilíbrio desafiador, mas administrar seu tempo de forma eficaz é uma ótima prática para o mundo profissional e será bem visto pelos empregadores.

 

9. Seja realista

 

É importante ter metas e ambições altas, mas, ao mesmo tempo, você acabou de se formar na universidade com alguns anos de experiência, então também é útil reconhecer que pode levar algum tempo para atingir suas metas de carreira.

 

Você pode seguir um caminho que não esperava e provavelmente enfrentará desafios ao longo do percurso, mas tudo isso é uma oportunidade de crescimento e aprendizado. Esteja aberto a críticas construtivas e aprenda com seus erros, pois esta é uma das melhores maneiras de melhorar.

 

10. Não desista!

 

Finalmente, não deixe a rejeição lhe derrubar. Todo mundo enfrenta contratempos e decepções às vezes, mas isso não significa que você não seja bom o suficiente. É totalmente normal sentir vontade de desistir às vezes e se sentir desmotivado, mas você apenas tem que continuar tentando. Eventualmente, algo acontecerá, especialmente se você seguir as dicas fornecidas aqui.

 

Esperamos ter ajudado!

 

Antes de ir, temos muitos outros conselhos de carreira para você. Confira nossos artigos sobre:

 

 

(Texto original publicado no site Hotcourses Abroad. Tradução e localização por Brenda Bellani.)

CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA

Leitura recomendada

article Img

40 mudanças no currículo que irão deixá-lo mais profissional

Chega sempre um momento em que o seu currículo precisa de uma revisão. Reservar um tempo para remodelar e enxugar o CV é muito válido, principalmente se você estiver se preparando para procurar um emprego. E mesmo que já esteja empregado, é sempre bom dar uma revisada no currículo, ao menos uma vez ao ano.   Vamos escrever o currículo perfeito juntos? Seguem as dicas!   Como escrever um CV?   O site USA Today College

103K
article Img

O que é Co-op Program (Co-operative Education)?

Co-operative ou apenas co-op education é uma forma de aprendizado que combina o aprendizado teórico em salas de aulas com períodos de trabalhos práticos remunerados. Esta experiência de trabalho é chamada de co-op placement , ou seja, a instituição de ensino superior ajuda o estudante a conseguir uma posição profissional em empresas reais, para exercer funções reais relacionadas à área de estudo.   Os co-op placements são opções oferecidas pela

38.9K
article Img

O que fazer nos 15 minutos antes de uma entrevista de trabalho

O site Business Insider publicou uma matéria com itens sobre o que fazer durante os 15 minutos angustiantes e de ansiedade que antecedem uma entrevista de trabalho. Este pequeno período pode ser a sua oportunidade de colocar-se no humor certo para se sair bem no processo seletivo. O principal, claro, é manter-se calmo e focado – dependendo do seu nível de stress, a sua capacidade de pensar de forma clara pode ser prejudicada.   Veja dez itens listados

27.2K
article Img

Emprego pelo Mundo: o seu sonho de trabalhar no exterior começa aqui

Criado há pouco mais de um ano, com o objetivo de dar resposta a todos que estão à procura de uma oportunidade de emprego fora ou dentro do seu país de residência, o portal Emprego Pelo Mundo pretende fornecer aos seus seguidores um serviço de busca de oportunidades de emprego, empreendedorismo e formação, de forma rápida, fácil e gratuita.   Com um total de mais de 20 milhões de pageviews, mais de 3,5 milhões de visitantes e 213 mil membros no

9.5K