Essenciais
Estude no exterior : Perspectivas profissionais

Como mapear o seu plano de estudos e carreira

Escolher um curso e uma carreira é um processo com inúmeros fatores a serem considerados, como habilidades e objetivos. E nós temos dicas sobre como mapear os seus planos de estudos e carreira!

Como mapear os seus planos de estudos e carreira

Descobrir qual carreira é mais adequada para você e criar um plano até ela é um processo introspectivo e que envolve diferentes fatores, como, por exemplo, qual curso fazer na faculdade. Além da sua graduação, talvez você ainda precise de uma especialização ou mestrado para exercer a função que almeja. Há quem saiba desde cedo qual profissão quer ter, enquanto para outros, isso é uma questão de muita pesquisa, avaliação e deliberação – e até mesmo de tentativas e erros.

 

Catálogos universitários: estudar no exterior

 

O melhor caminho, em ambos os casos, é combinar suas ambições e interesses com suas habilidades e competências. Neste artigo, nós avaliamos algumas das técnicas, métodos e conselhos que poderão ajudá-lo a encontrar uma direção profissional e a criar um plano para manter-se no caminho.

 

1. Investigue e descubra seus interesses

 

Plano de carreira: passo 1

 

O ponto de partida ideal para avaliar uma possível carreira é analisando os seus interesses. Mas não basta apenas identificar quais matérias você gosta mais. O que você faz além da sua vida escolar importa muito também.

 

Você pode começar fazendo uma lista de algumas das suas atividades e hobbies preferidos, de preferência o quanto antes possível, para não tomar nenhuma decisão precipitada (tipo, prestes a prestar o ENEM ou se candidatar no exterior). Converse com sua família, amigos e professores que lhe conheçam bem. Uma segunda ou terceira opinião vem bem a calhar, porque às vezes as pessoas mais próximas conseguem enxergar nossas qualidades melhor do que nós mesmos.

 

O próximo passo é pegar essa lista e compará-la com suas habilidades e qualidades acadêmicas. E aí sim entram as matérias nas quais você tem mais desenvoltura. Talvez você mostre mais afinidade com Ciências e Matemática, se saia muito bem em Biologia ou se destaque em disciplinas criativas. Tudo isso é relevante para esboçar a direção que você pode seguir.

 

Não se preocupe se enfrentar dificuldades para alinhar os seus interesses e habilidades com uma carreira ou trabalho específico. A sua pesquisa inicial deve, de fato, abranger um leque bem amplo de possibilidades e explorar diferentes setores.

 

Além disso, a escolha de uma carreira envolve a sua personalidade. Reflita sobre as suas qualidades pessoais e como elas influenciariam o tipo de trabalho que melhor se adequaria a você.

 

Considere características como:

 

  • Empreendedor;
  • Comunicativo;
  • Empático;
  • Criativo ou imaginativo;
  • Facilitador;
  • Consciente;
  • Independente.

 

Com os seus interesses, habilidades e traços pessoais definidos, você já terá uma boa base na qual trabalhar. O próximo passo é começar a investigar possibilidades de carreiras adequadas aos seus atributos.

 

2. Explore áreas de estudo e carreiras possíveis

 

Plano de carreira: passo 2

 

Saber quais carreiras existem em diferentes setores dá trabalho, mas você consegue ter uma ideia geral do que pesquisar com base nos seus interesses e habilidades. Assim, pode começar a identificar tendências e possibilidades de empregos nas áreas que lhe interessam.

 

Com frequência, os anúncios de vagas incluem as qualificações e competências que se espera dos candidatos. A partir dessas informações, você terá uma noção do que buscar academicamente a fim de se qualificar para trabalhar em um setor.

 

Alguns empregos exigem que você tenha estudado uma área muito específica na graduação, o que acaba sendo uma obrigação para entrar no setor. Por exemplo: Engenharia, Medicina, Direito, Arquitetura e Contabilidade. Ou então, para certas funções, você precisará estudar um grau ainda mais avançado, como um mestrado. Por isso é importante ter uma noção de plano de carreira ao escolher o seu curso acadêmico.

 

Por outro lado, há qualificações acadêmicas que são transferíveis e aplicáveis a vários setores ou trabalhos. Estudar um bacharelado de Geografia, por exemplo, pode resultar em carreiras em gestão ambiental, planejamento urbano, climatologia ou pesquisas em ONGs.

 

Por isso, de maneira geral, nosso conselho é que você tente alinhar a sua escolha de graduação com a direção geral que você deseja seguir profissionalmente após a conclusão dos estudos, em especial se tiver interesse em vários campos.

 

Durante o seu curso, é bem provável que você encontre um foco específico à medida que avança nas matérias. Mas se ainda estiver um pouco inseguro, compensa talvez fazer um curso mais geral que mantenha diversas oportunidades em aberto.

 

Reserve um tempo para verificar qual poderia ser seu trabalho em potencial e quais são os seus valores. Questione-se:

 

  • Você está procurando uma carreira que pague muito bem?
  • Você busca boas perspectivas de desenvolvimento na sua carreira?
  • O trabalho oferece a possibilidade de continuar a estudar e a aprender novas habilidades?

 

Esse tipo de questionamento lhe ajudará a filtrar suas opções de acordo com o que você busca para a sua vida profissional a longo prazo. Não se esqueça também que novos empregos surgem e evoluem o tempo todo. Algumas profissões populares atualmente nem existiam há dez anos.

 

E se ainda assim você estiver com muitas dúvidas e incertezas, tudo bem. É uma decisão importante e nós entendemos a sua preocupação. Sugerimos conversar com um consultor universitária sobre as suas opções de graduação e em quais carreiras elas podem resultar e também pesquisar bastante sobre cada curso que lhe interessa.

 

3. Desenvolva um plano e estabeleça metas

 

Plano de carreira: passo 3

 

Consciente de suas habilidades, interesses e possíveis trajetórias acadêmicas, o terceiro passo é criar um plano de ação.

 

Você pode:

 

  • Pesquisar diferentes destinos de estudo para o seu curso acadêmico;
  • Pesquisar opções de graduação ou pós-graduação até definir a mais adequada para você;
  • Comparar e contrastar instituições criando uma lista das mais interessantes para a sua área de estudo;
  • Verificar prazos de inscrição e requisitos de admissão de cada universidade;
  • Comunicar-se diretamente com as suas instituições de interesse.

 

Esse plano se baseará em um conjunto mais amplo de objetivos e ambições. Ele deve estar de acordo com a maioria das suas habilidades e interesses para permanecer mais atingível.

 

Nesse caso, ajuda também listar os seus objetivos e prazos:

 

  • Concluir uma graduação ou pós-graduação em uma certa quantia de anos;
  • Realizar estágios e experiência de trabalho durante o curso;
  • Estudar e/ou trabalhar em outro país;
  • Atingir a posição desejada no mercado de trabalho em até cinco anos após a graduação;
  • Desenvolver habilidades e competências específicas importantes para a carreira.

 

4. Decidir-se

 

Plano de carreira: passo 4

 

Finalmente, chegou a hora da decisão! Depois de toda essa análise introspectiva e pesquisa minuciosa de opções acadêmicas e profissionais mais adequadas, você tem o que precisa para escolher a sua área de estudo e plano de carreira.

 

Nós sabemos que essa decisão é um passo enorme e decisivo na sua vida, mas com o conhecimento do que é necessário para atingir os seus objetivos e uma compreensão de si mesmo, as suas escolhas serão bem-informadas e fundamentadas.

 

Na hora da decisão, pergunte-se:

 

  • Serei realizado pessoal e profissionalmente?
  • A minha pesquisa foi completa e eu entendi o que preciso para essa carreira?
  • O caminho que escolhi está de acordo com a minha graduação, habilidades e valores?
  • Quais obstáculos terei de enfrentar para alcançar meu objetivos acadêmicos e profissionais?

 

Depois de tudo isso, é só fazer a sua inscrição na universidade e cursos escolhidos. Por fim, lembre-se: embora seja excelente escolher uma graduação que lhe agrade e mantenha na direção para o seu plano de carreira, tudo bem se você perceber que não é o curso certo para você. Há muitas oportunidades de aprendizado e desenvolvimento ao longo do caminho.

 

Leia também:

CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA

Leitura recomendada

40 mudanças no currículo que irão deixá-lo mais profissional

Chega sempre um momento em que o seu currículo precisa de uma revisão. Reservar um tempo para remodelar e enxugar o CV é muito válido, principalmente se você estiver se preparando para procurar um emprego. E mesmo que já esteja empregado, é sempre bom dar uma revisada no currículo, ao menos uma vez ao ano.   O site USA Today College listou várias dicas de como modificar o seu CV e fazer com que ele se destaque dentre os demais. E não se preocupe se

93.2K

O que é Co-op Program (Co-operative Education)?

Co-operative ou apenas co-op education é uma forma de aprendizado que combina o aprendizado teórico em salas de aulas com períodos de trabalhos práticos remunerados. Esta experiência de trabalho é chamada de co-op placement , ou seja, a instituição de ensino superior ajuda o estudante a conseguir uma posição profissional em empresas reais, para exercer funções reais relacionadas à área de estudo.   Os co-op placements são opções oferecidas pela

38.4K

O que fazer nos 15 minutos antes de uma entrevista de trabalho

O site Business Insider publicou uma matéria com itens sobre o que fazer durante os 15 minutos angustiantes e de ansiedade que antecedem uma entrevista de trabalho. Este pequeno período pode ser a sua oportunidade de colocar-se no humor certo para se sair bem no processo seletivo. O principal, claro, é manter-se calmo e focado – dependendo do seu nível de stress, a sua capacidade de pensar de forma clara pode ser prejudicada.   Veja dez itens listados

26.5K

Emprego pelo Mundo: o seu sonho de trabalhar no exterior começa aqui

Criado há pouco mais de um ano, com o objetivo de dar resposta a todos que estão à procura de uma oportunidade de emprego fora ou dentro do seu país de residência, o portal Emprego Pelo Mundo pretende fornecer aos seus seguidores um serviço de busca de oportunidades de emprego, empreendedorismo e formação, de forma rápida, fácil e gratuita.   Com um total de mais de 20 milhões de pageviews, mais de 3,5 milhões de visitantes e 213 mil membros no

9.4K