Essenciais
Estude no exterior : Perspectivas profissionais

Como usar o LinkedIn de maneira eficiente para conseguir o emprego dos seus sonhos

Reunimos 12 dicas importantes para melhorar seu perfil no LinkedIn e usar suas ferramentas de maneira eficiente para encontrar um emprego.

Como usar o LinkedIn de maneira eficiente para encontrar um emprego
83

Talvez o LinkedIn seja uma rede social menosprezada. Conhecida como uma mídia profissional, ele é um site excelente para networking e perspectiva de carreira. Portanto, você deve usá-lo, sim, para sua busca por uma oportunidade profissional na hora de dar início à sua carreira ou se você estiver à procura de novos desafios.

 

Segundo o site The Balance Careers, no final de 2018, o LinkedIn tinha mais de meio bilhão de usuários de mais de 200 países, incluindo executivos das empresas Fortune 500, as 500 maiores corporações do mundo.

 

Apesar de, como indivíduos, usarmos a rede para fazer contatos profissionais e ler assuntos relacionas à nossa área, as companhias utilizam o LinkedIn para sondar profissionais qualificados, anunciar vagas e recrutar novos colaboradores. Por isso, este pode ser o seu ponto de partida perfeito para achar uma vaga no exterior que encaminhe a sua carreira internacional!

 

A seguir, separamos algumas dicas importantes, da mais básica à mais especializada, para que você use a sua conta no LinkedIn eficientemente e aumente as suas chances de encontrar um emprego.

 

1. Preencha seu perfil completamente

 

O seu perfil no LinkedIn tem potencial de se tornar uma parte poderosa da sua marca pessoal – você já deve ter escutado falar em personal branding, não é mesmo? Desde que não selecione o modo privado, qualquer usuário da rede pode visualizar a sua conta. Além disso, mecanismos de busca externos também podem encontrá-la, o que significa que mesmo pessoas não registradas no LinkedIn têm acesso a ela.

 

Dentro da própria rede, apenas perfis marcados como “completo” são encontrados pelo mecanismo de busca do LinkedIn, o que aumenta até 20 vezes a visualização da sua conta. Portanto, o primeiro passo é preencher por completo o seu perfil.

 

  • Escolha uma foto de qualidade e, de preferência, com aparência profissional. Sorria e evite qualquer distração no plano de fundo.
  • Pode parecer besteira, mas adicione também uma imagem de capa ao seu perfil, especialmente uma que reflita a sua personalidade e profissão.
  • No Título, mencione a sua área profissional (ou profissão) e localização.
  • Escreva um resumo conciso que destaque os pontos mais importantes sobre as suas experiências, habilidades e objetivos. Você tem espaço para 2.000 caracteres, mas não tem necessidade de usar todos.
  • Dê atenção maior ao preencher o seu cargo atual e descreva as suas funções de maneira específica. Não adianta nada escrever que você tem “excelentes habilidades de comunicação” sem explicar como isso é aplicado no seu dia a dia profissional.
  • Não se esqueça dos cargos anteriores, experiências e habilidades prévias, formação acadêmica e ao menos quatro competências e conhecimentos.

 

Você consegue acompanhar o progresso do seu perfil pela barra que aparece no começo da página chamada “Força do perfil”, que vai apontando automaticamente as suas etapas finalizadas e as que ainda precisam ser preenchidas para alcançar o status de “Perfil campeão”.

 

2. Faça conexões

 

Conexões no LinkedIn

 

A principal ferramenta do LinkedIn é o networking. Você consegue criar conexões com pessoas e organizações profissionais para manter-se atualizado e compartilhar informações sobre a sua área. Você pode enviar e receber convites para se conectar com pessoas desde que também tenham uma conta no LinkedIn.

 

Todos os seus contatos ficam salvos na página “Minha rede”. Quando uma conexão é feita, você não ganha acesso apenas ao perfil da pessoa em questão como também a todos os contatos dela, o que abre ainda outras oportunidades de conexão entre os usuários.

 

3. Receba e conceda recomendações

 

Em todo perfil, há as seções de “Competências e recomendações” e “Recomendações”. No primeiro campo, você preenche suas habilidades, conhecimentos e outras competências, e os seus contatos podem recomendar cada item da lista para comprovar as suas qualificações. Na segunda seção, você pode solicitar pequenos trechos de recomendação a chefes, diretores, supervisores, professores, colegas de trabalho ou outros contatos que aparecerão no seu perfil. Estes têm função similar às cartas de referência.

 

Estas seções são importantes porque confirmam a veracidade dos dados informados no seu próprio perfil. Você pode dizer que é responsável, criativo e pontual, por exemplo, mas é muito mais confiável para futuros empregadores quando os seus contatos também recomendarem estas competências.

 

4. Solicite uma recomendação da pessoa certa

 

Unindo as dicas 2 e 3, se você está de olho em uma empresa ou vaga específica, faça conexões e solicite recomendações da pessoa certa. Isto significa criar contatos e pedir referência para alguém que já trabalhe lá dentro.

 

Segundo o site Business Insider, aproximadamente 50% dos recrutadores disseram que recomendações são a principal fonte de contratações de qualidade e se você tiver uma recomendação de alguém da empresa tem quatro vezes mais chance de ser contatado por um recrutador.

 

Mas veja: não importune as pessoas no LinkedIn, principalmente quem você não conhece de verdade. Procure solicitar a recomendação de alguém que, de fato, saiba quem é você e suas competências. Se você não conhecer ninguém, encontre algum colaborador da empresa com quem tenha uma conexão em comum.

 

E ao entrar em contato com uma mensagem direta pelo LinkedIn, peça informações ou qualquer sobre o processo de seleção, ao invés de pedir logo por uma oportunidade. Com sorte e uma boa primeira impressão, você pode criar uma conexão direta com alguém da empresa.

 

5. Deixe as pessoas saberem que você está à procura de um emprego

 

Se você está à procura de uma oportunidade profissional, o LinkedIn é o melhor lugar para fazer este anúncio. Você pode usar o título ou o resumo da sua conta para escrever exatamente qual é o seu objetivo de carreira. Encontrar uma vaga de redator? Então escreva “Jornalista para vaga de redação” no título; e no resumo, você desenvolve melhor esta meta, incluindo as suas experiências prévias que possam ser fundamentais para a sua contratação.

 

6. Publique conteúdo especializado

 

Primeiramente, é de extrema importância lembrar que, mesmo sendo uma rede social, LinkedIn não é Facebook, Twitter ou Instagram, portanto, as regras de uso são bem distintas. Você tem espaço para escrever publicações ou artigos na sua conta no LinkedIn, no entanto, deve manter sempre um teor mais profissional.

 

Publicar um conteúdo especializado sobre os seus conhecimentos e experiências na sua área é interessante, sim. Também recomendemos que você escolha tópicos que promovam discussões saudáveis e enriquecedoras entre suas conexões, principalmente entre profissionais do seu campo.

 

Leia nosso artigo sobre “Como publicar um conteúdo interessante no LinkedIn”.

 

7. Sigas as empresas de seu interesse

 

O LinkedIn facilita a busca por empresas na rede, para que você possa segui-las e acompanhar todos os posts, conteúdo e, especialmente, anúncios de novas vagas. Bastar usar a ferramenta “Pesquisar” no início da página ou então ir à seção “Interesses” no final do seu perfil.

 

Ao encontrar os perfis de seu interesse, é só clicar em “Seguir”. Isso também será interessante para a 4, porque você consegue saber quais conexões suas trabalham na empresa ou então quem têm conexão com alguém que trabalha.

 

Os seus interesses são divididos em três categorias – Influencers, Empresas e Instituições de ensino –, e qualquer pessoa pode visualizá-los na sua página.

 

8. Candidate-se a vagas pelo LinkedIn

 

O LinkedIn permite que você procure por vagas e se candidate diretamente pela rede. O primeiro passo é entrar na página Vagas; depois, use as ferramentas de filtro de vagas e localidade para chegar a resultados mais específicos ao seu objetivo.

 

Na própria página Vagas, o LinkedIn seleciona algumas opções de acordo com o seu perfil e as suas atividades na rede, por exemplo “Com base no seu perfil e interesses de carreira”, que vale a pena dar uma olhada. Por isso é crucial manter a seção “Interesses de carreira” atualizada para que as sugestões automáticas do LinkedIn sejam mais certeiras.

 

9. Baixe o aplicativo do LinkedIn

 

aplicativo do LinkedIn

 

Talvez você já esteja seguindo todas as nossas dicas pelo aplicativo, mas se você for daqueles que preferem sempre desktop ou laptop, aconselhamos que também baixe o app do LinkedIn no seus aparelhos móveis, como celular e tablet.

 

Assim, você tem acesso a todas as ferramentas listadas nas dicas acima em qualquer lugar, sem precisar acessar o site do LinkedIn para poder acompanhar suas candidaturas, ler suas mensagens e fazer novas conexões.

 

Ter o aplicativo é especialmente importante se você estiver passando por um processo seletivo ou esperando por uma resposta de algum recrutador. Certifique-se de selecionar todas as notificações do aplicativo a fim de ser avisado sobre qualquer novo movimento na sua conta!

 

App do LinkedIn para iOS.

App do LinkedIn para Android.

 

10. Faça conexões com ex-alunos da sua universidade

 

Procure os seus colegas de classe e outros ex-alunos da sua universidade no LinkedIn. É valioso manter contato com várias pessoas da sua área profissional que podem te recomendar, criar novas conexões com terceiros e manter-se atualizado sobre vagas disponíveis em suas respectivas empresas.

 

Se você estudou no exterior, criar este contato será ainda mais vantajoso porque você terá conexões pelo mundo inteiro, ajudando a alavancar a sua carreira internacional.

 

11. Crie ou participe de grupos no LinkedIn

 

Todos os usuários do LinkedIn podem criar ou se juntar a grupos na rede para discutir ideias e compartilhar novidades sobre o setor. Esta é uma ótima forma de desenvolver a sua rede online de contatos profissionais.

 

Use a ferramenta “Pesquisar” no topo do site para encontrar grupos interessantes ou então visualize as opções de grupos a partir dos que você já faz parte. Ao se tornar membro de algum grupo, você tem liberdade de participar das discussões, fazer perguntas e enviar mensagens para os outros membros. Além disso, esta ferramenta pode ser uma valiosa fonte de informações, inspiração, ideias e suporte.

 

Entretanto, como toda rede social, há certas regras para a boa convivência em grupos no LinkedIn. A rede, por exemplo, alerta para não fazer posts de autopromoção. Compartilhar conhecimentos é muito bom, mas fazer propaganda gratuita da sua empresa ou serviços é mal visto – e pode fazer com que você seja bloqueado ou excluído do grupo.

 

12. Crie um perfil para o seu negócio

 

Você é autônomo? Crie um perfil profissional para anunciar seus serviços e produtos. Você tem uma empresa? Crie uma conta para ela. O LinkedIn pode aumentar a visibilidade dos seus negócios.

 

O processo é bem parecido com as primeiras dicas deste artigo: preencha o perfil completamente, escreva a história da sua empresa de maneira cativante e escolha um título chamativo. Isto, com certeza, ajudará a:

 

  • Atrair novos consumidores, clientes e fornecedores;
  • Atrair a atenção de possíveis colaboradores, quando houver novas vagas na empresa;
  • Aparecer nos resultados de pesquisas do LinkedIn;
  • Criar conexões emocionais valiosas com os clientes e também com os colaboradores;
  • Conhecer sua concorrência;
  • Encontrar parceiros profissionais.

 

Observação: Todas as nossas dicas neste artigo são ferramentas gratuitas do LinkedIn. Há também a possibilidade de pagar por uma conta Premium com mais ferramentas e vantagens. Você pode escolher entre quatro planos diferentes, de acordo com as suas metas: Carreiras, Negócios, Vendas e Contratações. Se a sua intenção é encontrar uma oportunidade profissional pelo LinkedIn, a melhor opção é Carreiras.

 

Leia também:

Como conseguir um emprego no exterior antes de se mudar

Networking é tudo: por que os seus contatos são o seu melhor trunfo

Três motivos para investir em um intercâmbio focado na sua carreira

Dê uma olhada...

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

Como usar o LinkedIn de maneira eficiente para encontrar um emprego

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Leitura recomendada

40 mudanças no currículo que irão deixá-lo mais profissional

Chega sempre um momento em que o seu currículo precisa de uma revisão. Reservar um tempo para remodelar e enxugar o CV é muito válido, principalmente se você estiver se preparando para procurar um emprego. E mesmo que já esteja empregado, é sempre bom dar uma revisada no currículo, ao menos uma vez ao ano.   O site USA Today College listou várias dicas de como modificar o seu CV e fazer com que ele se destaque dentre os demais. E não se preocupe se

70645

O que é Co-op Program (Co-operative Education)?

Co-operative ou apenas co-op education é uma forma de aprendizado que combina o aprendizado teórico em salas de aulas com períodos de trabalhos práticos remunerados. Esta experiência de trabalho é chamada de co-op placement , ou seja, a instituição de ensino superior ajuda o estudante a conseguir uma posição profissional em empresas reais, para exercer funções reais relacionadas à área de estudo.   Os co-op placements são opções oferecidas pela

36782

O que fazer nos 15 minutos antes de uma entrevista de trabalho

O site Business Insider publicou uma matéria com itens sobre o que fazer durante os 15 minutos angustiantes e de ansiedade que antecedem uma entrevista de trabalho. Este pequeno período pode ser a sua oportunidade de colocar-se no humor certo para se sair bem no processo seletivo. O principal, claro, é manter-se calmo e focado – dependendo do seu nível de stress, a sua capacidade de pensar de forma clara pode ser prejudicada.   Veja dez itens listados

24581

Emprego pelo Mundo: o seu sonho de trabalhar no exterior começa aqui

Criado há pouco mais de um ano, com o objetivo de dar resposta a todos que estão à procura de uma oportunidade de emprego fora ou dentro do seu país de residência, o portal Emprego Pelo Mundo pretende fornecer aos seus seguidores um serviço de busca de oportunidades de emprego, empreendedorismo e formação, de forma rápida, fácil e gratuita.   Com um total de mais de 20 milhões de pageviews, mais de 3,5 milhões de visitantes e 213 mil membros no

9193