Essenciais
Estude no exterior : Perspectivas profissionais

O que é job shadowing?

Job shadowing: estude no exterior e tenha a oportunidade de conhecer e treinar profissões na prática durante o seu curso.

O que é job shadowing?
22199

Shadow significa "sombra" em inglês. Job shadowing é uma atividade geralmente oferecida a estudantes universitários para explorar diferentes carreiras possíveis dentro da área que estudam. Durante um pequeno período, eles se tornam a "sombra" de algum profissional do ramo, em um ambiente real de trabalho, acompanhando a rotina deles a fim de aprender os detalhes da função, deveres, direitos, horários, atividades, etc.

 

Basicamente, esta opção de programa educacional promovida por instituições internacionais de ensino superior juntamente a empregadores de vários setores permite que os estudantes, chamados de job shadowers, aprendam na prática como seria exercer uma função específica dentro de alguma empresa, tendo a oportunidade única de tirar todas as suas dúvidas diretamente com um profissional experiente.

 

Estudar no exterior

 

O job shadower 

 

job shadowing

 

Uma das técnicas mais comuns de treinamento profissional, no job shadowing, as universidades farão parcerias com empresas interessadas em receber estudantes job shadowers a fim de ensinar diferentes funções disponíveis dentro da companhia. Esta atividade é também usada por algumas empresas internacionais ao contratar novos funcionários.

 

Ao longo do job shadowing, o estudante tem oportunidades de:

 

  • Observar o dia a dia do profissional, as suas atividades e responsabilidades;
  • Interagir com outros profissionais da empresa;
  • Aprender métodos, técnicas e tarefas relacionadas à carreira do profissional;
  • Conversar, fazer perguntas e tirar dúvidas em relação à função específica de quem ele estiver “shadowing” e sobre o funcionamento geral da empresa.

  

Benefícios do job shadowing

 

O job shadowing muitas vezes é o primeiro contato real do estudante com a profissão que ele procura exercer uma vez formado. Isto é essencial para ter uma sensação confiável, precisa e de primeira mão do que significa ser um profissional do ramo.

 

O estudante consegue identificar se esse é um caminho possível para a sua carreira e se esta seria uma escolha adequada às suas ambições, objetivos e também habilidades, aptidões e conhecimentos. Caso se apaixone pelo trabalho, tem a oportunidade de se preparar apropriadamente para concorrer no mercado de trabalho com o término dos estudos e encontrar uma vaga dos seus sonhos. Isso tudo sem contar o networking realizado ao longo do programa, que será fundamental na hora de conseguir um primeiro emprego integral.

 

Outro diferencial deste programa educacional e profissionalizante é que ele não cria nenhum vínculo rígido com a empresa, às vezes sem a necessidade de qualquer tipo de contrato, facilitando a realização de mais experiências de job shadowing em diferentes organizações.

 

Alguns dos benefícios do job shadowing são:

 

  • Construir a confiança profissional no estudante, após aprender com alguém experiente na sua área de estudo;
  • Aprender na prática os procedimentos e métodos de uma função;
  • Criar um network profissional;
  • Ter uma experiência real de trabalho para acrescentar no currículo;
  • Ver como a teoria aprendida em sala de aula é aplicada na rotina profissional;
  • Ter impressões reais sobre a carreira que o estudante tem intenção de seguir quando concluir os estudos;
  • Ter conhecimentos suficientes sobre a área e as suas possíveis funções para tomar decisões profissionais bem-informadas para sua carreira futura.

 

Os benefícios, de fato, não são apenas para o shadower. O profissional que recebe e acompanha o estudante tem a chance de compartilhar suas experiências e insights; aprender novas técnicas, métodos e teorias que estão sendo atualmente lecionados nas universidades; e também reavaliar e refletir sobre o seu trabalho cotidiano ao discuti-lo com alguém novo no mercado.

 

Para a empresa, essa é uma forma de se abrir a novos talentos e preparar possíveis colaboradores que, quem sabe, se tornem parte integral de sua equipe após a graduação, afinal, já estarão familiarizados com a empresa.

 

Tipos de job shadowing

 

experiência de trabalho no exterior

 

Há diferentes formatos de job shadowing no exterior, como os exemplos a seguir:

 

Observação: O shadower passa o dia acompanhando um profissional para observar todas as atividades do seu trabalho, como tarefas rotineiras, reuniões, visitas a clientes, etc. Neste formato, o estudante não exerce nenhuma atividade prática, apenas observa, mas pode interagir com o profissional ao longo do dia.

 

Encontros regulares: Neste formato, ao invés de passar o dia inteiro observando todas as atividades do profissional, o estudante e o seu anfitrião marcam datas e horários específicos para encontros curtos e regulares a fim de acompanhar e participar de atividades selecionadas da rotina profissional.

 

Mãos à massa: Há também o formato prático de job shadowing em que o estudante participa ativamente da função, geralmente oferecido juntamente com o de observação. Após acompanhar o profissional por um período de tempo, o shadower começa a receber tarefas e deveres reais, supervisionado pelo anfitrião.

 

Como conseguir um programa de job shadowing

 

O job shadowing pode ser formal ou informal. O formal normalmente faz parte de um programa promovido pela própria universidade para seus estudantes em parceria com empresas e organizações locais (mas também podem ser nacionais e internacionais em alguns casos). Assim, o primeiro passo ideal é entrar em contato com a sua instituição, verificar as opções disponíveis e receber orientação na procura por uma vaga.

 

As universidades com programas oficiais de job shadowing, inclusive, mantêm contato ativo com ex-alunos bem-sucedidos para que recebam estudantes atuais e sirvam como tutores. O fato de serem da mesma universidade costuma gerar uma camaradagem instantânea entre o profissional e o estudante, quebrando o gelo e ajudando no aproveitamento da experiência.

 

Já o informal é quando você mesmo entra em contato com empresas do seu interesse a fim de sondar as possibilidades de te receberem para uma experiência de job shadowing. Esta forma não costuma ter o envolvimento da sua universidade e exige a sua dedicação para pesquisar por conta própria organizações com políticas mais abertas a aprendizes.

 

Quem tem boca vai à Roma, não é mesmo? O não você já tem. Não custa nada enviar um email respeitoso pedindo por uma oportunidade de aprender.

 

Algumas companhias e agências do governo mantém programas oficiais de job shadowing especialmente para estudantes universitários ou profissionais em início de carreira. Verifique regularmente os sites oficiais do governo do seu destino de estudo e também das empresas da região para não perder nenhuma oportunidade. A diferença, nesses casos, é que muito provavelmente você terá de passar por uma entrevista ou um processo seletivo antes.

 

Duração do job shadowing 

 

A duração do job shadow é mais curta do que um estágio ou co-op program; pode ser de apenas um dia até poucas semanas. Em algumas escolas dos Estados Unidos, os estudantes podem inclusive fazer parte do programa de job shadowing durante o ensino fundamental ou ensino médio.

 

Esta opção de treinamento prático temporário não é remunerada.

 

Prepare-se para a sua experiência de job shadowing

 

Devido à sua curta duração, a melhor maneira de aproveitar ao máximo o job shadowing é estar totalmente preparado para ele:

 

  • Pesquise a fundo a empresa na qual você fará o job shadowing, como, por exemplo, o número de colaboradores, quais são os seus departamentos, qual é a sua carteira de clientes, onde ela possui filiais, etc. Seria interessante também saber quem são as figuras mais importantes da empresa, como CEO, diretores e gerentes, para identificá-los se os encontrar durante o programa.
  • Uma vez feita a sua pesquisa minuciosa, é hora de criar a sua lista de perguntas. O que você quer saber sobre a empresa? E sobre a função? E sobre o trabalho em si? Com certeza você terá a chance de tirar todas as suas dúvidas durante o programa, então melhor ter uma lista de pesquisas preparada com antecedência para a ocasião. Daremos mais dicas sobre isso abaixo!
  • Durante a sua pesquisa, tente identificar quais são as regras de vestuário da empresa para ir vestido adequadamente. Você precisará de um terno? Ou um jeans e camisa social bastarão? Se ainda estiver em dúvida, peça uma orientação de sua universidade ou até mesmo para a pessoa que te receberá na empresa.  
  • Procure agendar o melhor período e horário para um job shadowing. Por exemplo, se você acompanhará um professor em uma escola ou universidade, seria ideal escolher uma semana de aulas regulares ou invés de uma de provas finais, quando a interação com os estudantes é mínima. Deu para entender?

 

Perguntas que você pode fazer durante o programa de job shadowing: 

 

trabalhar no exterior

 

  • Como foi o seu treinamento e os estudos prévios para ser contratado neste trabalho? Como a sua graduação ou pós-graduação o ajudou a conseguir essa vaga?
  • Você tinha outras experiências profissionais e extracurriculares que ajudaram a construir sua carreira?
  • O que você recomenda como preparo para esta carreira?
  • O que você procuraria como requisitos em uma pessoa concorrendo a esta mesma função?
  • Quais sites e publicações relacionados à área você me recomenda para aprender mais sobre esse trabalho?
  • O trabalho voluntário é interessante para esta vaga? A experiência de voluntariado faria diferença em um processo de recrutamento?
  • Como foi a sua entrevista de trabalho para esta vaga? O que você acha que te fez destacar e ser contratado?
  • Quais qualificações você considera mais importantes para esta função? E quais qualidades pessoais ajudam a ser bem-sucedido nesta carreira?
  • Por que você decidiu se inscrever nesta vaga?
  • Se você estivesse começando a sua carreira hoje, optaria pelo mesmo trabalho? Por quê?
  • De acordo com a sua experiência pessoal, quais são as dicas e conselhos que você daria para quem está começando?
  • Quais aspectos você mais gosta deste trabalho? E os que menos gosta? Por quê? E quais são os seus principais desafios?
  • Quais seriam os próximos passos profissionais para quem tem a sua posição na empresa?
  • Como é o convívio com os outros profissionais da empresa? Com qual regularidade precisa participar de reuniões ou trabalhos externos?
  • Você consegue fazer home office? Com que frequência?

 

Você pode preparar uma lista como essa, com quantas perguntas quiser, e, durante a experiência, sentir se tem abertura para fazê-las ao profissional que estiver acompanhando. Procure não fazer questões muito pessoais e evitar enchê-lo de questionamento fora de hora.

 

Exemplos de universidades com programas de job shadowing:

 

Leia também:

Como conseguir um emprego no exterior antes de se mudar

O que fazer nos 15 minutos que antecedem uma entrevista de trabalho

Como ser produtivo em 60 segundos

5 dicas para encontrar um emprego como estudante estrangeiro

Dê uma olhada...

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

O que é job shadowing?

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Leitura recomendada

40 mudanças no currículo que irão deixá-lo mais profissional

Chega sempre um momento em que o seu currículo precisa de uma revisão. Reservar um tempo para remodelar e enxugar o CV é muito válido, principalmente se você estiver se preparando para procurar um emprego. E mesmo que já esteja empregado, é sempre bom dar uma revisada no currículo, ao menos uma vez ao ano.   O site USA Today College listou várias dicas de como modificar o seu CV e fazer com que ele se destaque dentre os demais. E não se preocupe se

66293

O que é Co-op Program (Co-operative Education)?

Co-operative ou apenas co-op education é uma forma de aprendizado que combina o aprendizado teórico em salas de aulas com períodos de trabalhos práticos remunerados. Esta experiência de trabalho é chamada de co-op placement , ou seja, a instituição de ensino superior ajuda o estudante a conseguir uma posição profissional em empresas reais, para exercer funções reais relacionadas à área de estudo.   Os co-op placements são opções oferecidas pela

36437

O que fazer nos 15 minutos antes de uma entrevista de trabalho

O site Business Insider publicou uma matéria com itens sobre o que fazer durante os 15 minutos angustiantes e de ansiedade que antecedem uma entrevista de trabalho. Este pequeno período pode ser a sua oportunidade de colocar-se no humor certo para se sair bem no processo seletivo. O principal, claro, é manter-se calmo e focado – dependendo do seu nível de stress, a sua capacidade de pensar de forma clara pode ser prejudicada.   Veja dez itens listados

24344

Emprego pelo Mundo: o seu sonho de trabalhar no exterior começa aqui

Criado há pouco mais de um ano, com o objetivo de dar resposta a todos que estão à procura de uma oportunidade de emprego fora ou dentro do seu país de residência, o portal Emprego Pelo Mundo pretende fornecer aos seus seguidores um serviço de busca de oportunidades de emprego, empreendedorismo e formação, de forma rápida, fácil e gratuita.   Com um total de mais de 20 milhões de pageviews, mais de 3,5 milhões de visitantes e 213 mil membros no

9120