Essenciais
Estude no exterior : Últimas notícias

Diário de um estudante internacional

532

 

Estudar no exterior pode ser muito estimulante e gratificante, mas requer muita força de vontade e paciência. Ainda mais se o idioma do país escolhido não é sua língua nativa. Quando eu saí do Brasil em 2005, eu estava muito animado para descobrir o mundo lá fora e ganhar experiência de vida.

 Então eu apliquei para um intercâmbio universitário em uma pequena cidade próxima a Paris chamada Rouen. Para ser premiado com a bolsa, eu tive que fazer um exame e uma entrevista com o Decano da Universidade. Fui selecionado entre os 15 outros estudantes. Eu arrumei minhas malas e voei para o velho continente, um mês de ante mao, para ter tempo de  viajar e aproveitar antes do estresse sobre os livros e exames.

 A vida na França, era otima, eu estava morando em um alojamento de estudantes a cinco minutos da Universidade. Meus colegas eram meus vizinhos e nós estudavamos e faziamos festas juntos. O tempo passa muito rápido quando as coisas são boas. Quando chegou a hora de voltar para casa, eu não estava realmente querendo isso. Os seis meses passados la foram tão intensos que eu decidi voltar ao Brasil, terminar meus estudos e retornar, desta vez, com planejamento para ficar mais tempo.

 Como meus avós eram da Itália, eu tinha o direito de ter minha cidadania reconhecida.Entao meu primeiro plano depois de receber o meu diploma, foi reunir a documentação necessária, como certidões de nascimento e ir pra Itália. Felizmente um bom amigo meu estava morando em Milão. Trocamos alguns e-mails e foi lá  o lugar que eu acabei morando há quase dois anos. A experiência foi absolutamente positiva, aprendi italiano, trabalhei o suficiente para poder pagar os meus custos e o mais importante: Eu fui recompensado com a cidadania italiana. Isso era um sonho para mim. Talvez, para aqueles que nasceram na Europa e nunca tentaram viver em paises estrangeiros, não soa muito empolgante, mas para aqueles que nao tiveram ate enrtao , é uma excelente oportunidade para viver e ter seus direitos assegurados no pais.

 Com o passaporte em mãos, eu poderia escolher onde viver e, sem dúvida, Londres foi a próxima aventura. Em julho de 2008 me mudei para este país e tive momentos incríveis com velhos amigos do Brasil que estavam morando aqui. Comecei a trabalhar dentro de poucos dias da minha chegada ja pesando em fazer algum dinheiro para depois iniciar um curso de pós-graduação.

 

Pesquise por cursos

Selecione país
Por Nível de Ensino*
SOBRE O AUTOR

Hotcourses Brasil editor

Leitura recomendada

As 10 melhores cidades universitárias de 2015

O QS Top Universities lançou mais uma lista útil para quem está considerando estudar no exterior: as 10 melhores cidades universitárias do mundo. Para constar no ranking, elas deveriam ter pelo menos duas universidades no ranking da QS World University Rankings e uma população de mais de 250 mil habitantes. As cidades foram avaliadas em cinco fatores: ranking universitário, diversidade de estudantes, empregos, atração de estudantes e acessibilidade financeira.

3010

As 20 melhores cidades estudantis do mundo de 2017, segundo ranking QS

Montreal, eleita a melhor cidade estudantil de 2017, desbancou Paris, invicta há cinco anos.   Duas cidades francófonas dominaram o índice QS Best Student Cities, lista das melhores cidades do mundo para estudantes internacionais. Montreal, no Canadá, ultrapassou Paris e conquistou o primeiro lugar da lista. Localizada na província de Quebec, ela tem a segunda maior população nativa na língua francesa do mundo, perdendo apenas para a própria capital

2650

LinkedIn lista as 10 faculdades mais influentes do mundo na rede

O LinKedIn costuma fazer listas das marcas mais influentes na rede social separadas por setores. Um deles é o da educação. A edição mais atual listou as 50 instituições mais influentes do mundo segundo a avaliação de marketing de conteúdo do LinkedIn, que analisa todas as atividades das marcas na plataforma, como updates na página da empresa, compartilhamentos dos seus colaboradores, posts patrocinados, atividades em grupos na rede e textos publicados.  

1223