Essenciais
Estude no exterior : Últimas notícias

Oxford é a melhor universidade do mundo, segundo ranking Times 2021

O Times Higher Education World University Rankings 2021 avaliou mais de 1.500 instituições para eleger quais são as melhores do mundo. Veja os resultados aqui!

Oxford é a melhor universidade do mundo, segundo ranking Times 2021

A nova versão do mais esperado ranking de universidades do mundo, Times Higher Education World University Rankings, foi divulgada. A edição 2021 é a avaliação mais extensa de instituições de ensino superior já compilada pela publicação até agora. Com foco em diversidade, a Times Higher Education (THE) analisou mais de 1.500 universidades de 93 países. A Oxford University, no Reino Unido, foi eleita a melhor do mundo pelo quinto ano consecutivo.

 

Catálogos universitários: estudar no exterior

 

Quais são as melhores universidades do mundo?

 

Mais uma vez, a batalha pelas dez primeiras posições foi entre as grandes potências acadêmicas do Reino Unido e Estados Unidos. A queda de braço para o topo da lista aconteceu entre a Oxford e a americana Stanford University, em primeiro e segundo lugar respectivamente. Esse é o quinto ano que o Reino Unido lidera o ranking da THE, no entanto, a Stanford subiu duas posições em relação à edição anterior, tomando o lugar da California Institute of Technology, mais conhecida como Caltech.

 

A Harvard University, importante instituição Ivy League, conseguiu o terceiro lugar esse ano, que é uma melhoria considerável depois do sétimo lugar no ranking 2020. Os Estados Unidos completam o top 5, com a Caltch em quarta e o Massachusetts Institute of Technology (MIT) em quinto.

 

As classificações de 2021 relevam novamente o forte desempenho das instituições americanas, que ocupam oito das dez primeiras posições. O Reino Unido, como sempre, tem o segundo melhor desempenho, com quatro universidades no top 20. Um dos melhores avanços esse ano foi da University of California Berkeley, da 15ª posição para a sétima.

 

Embora EUA e Reino Unido continuem sendo as grandes potências acadêmicas do mundo, a Ásia vem fortalecendo os seus resultados já há alguns anos consecutivos. Três instituições asiáticas permanecem no top 25: a Tsinghua University, a Universidade de Pequim, ambas em Pequim, na China, e a National University of Singapore (Universidade Nacional de Singapura).

 

A Tsinghua conseguiu ficar entre as 20 melhores do mundo pela primeira vez.

 

Top 10: Times Higher Education World University Rankings 2021

 

As 5 melhores universidade do mundo segundo o ranking da Times Higher Education 2021

 

1. University of Oxford, Reino Unido

2. Stanford University, EUA

3. Harvard University, EUA

4. California Institute of Technology, EUA

5. Massachusetts Institute of Technology, EUA

6. University of Cambridge, Reino Unido

7. University of California Berkeley, EUA

8. Yale University, EUA

9. Princeton University, EUA

10. University of Chicago, EUA

 

As 50 primeiras posições do mundo

 

Embora se fale sempre das dez primeiras posições, conquistar um lugar no top 50 entre 1.500 universidades é um feito impressionante. Por isso, queremos trazer as 50 melhores do Times Higher Education World University Rankings 2021, começando pelo top 25.

 

11. Imperial College London, Reino Unido

12. Johns Hopkins University, EUA

13. University of Pennsylvania, EUA

14. ETH Zurique, Suíça

15. University of California, Los Angeles, EUA

16. University College London (UCL), Reino Unido

17. Columbia University, EUA

18. University of Toronto, Canadá

19. Cornell University, EUA

=20. Tsinghua University, China

=20. Duke University, EUA

22. University of Michigan-Ann Arbor, EUA

23. Peking University, China

24. Northwestern University, EUA

25. National University of Singapore, Singapura

 

Entre a 11ª e a 25ª posição, há oito instituições americanas, duas britânicas, duas chinesas e uma da Suíça, do Canadá e de Singapura. Em relação ao ano passado, a Imperial College London caiu uma posição e a UC, Los Angeles subiu duas.

 

Agora, entre as universidades classificadas do 26º ao 50º lugar, há uma diversidade muito maior de países. Apesar de as instituições americanas continuarem maioria, começam a aparecer representantes da Alemanha, Austrália, Canadá, Suécia, Bélgica, Japão, Hong Kong, França, Suíça e Singapura:

 

26. New York University, EUA

27. London School of Economics and Political Science, Reino Unido

28. Carnegie Melon University, EUA

29. University of Washington, EUA

30. University of Edinburgh, Reino Unido

31. University of Melbourne, Austrália

32. LMU Munich, Alemanha

33. University of California, San Diego, EUA

34. University of British Columbia, Canadá

35. King’s College London, Reino Unido

36. Karolinska Institute, Suécia

37. The University of Tokyo, Japão

38. Georgia Institute of Technology, EUA

39. University of Hong Kong, Hong Kong

40. McGill University, Canadá

41. Technical University Munich, Alemanha

42. Heidelberg University, Alemanha

43. École Polytechnique Fédérale de Lausanne, Suíça

44. University of Texas at Austin, EUA

45. KU Leuven, Bélgica

46. Paris Sciences et Lettres - PSL Research University Paris, França

47. Nanyang Technological University, Singapura

48. University of Illinois at Urbana-Champaign, EUA

49. University of Wisconsin, Madison, EUA

50. Washington University in St Louis, EUA

 

A New York University (NYU) saltou três posições, enquanto a Hong Kong University of Science and Technology e a Australia National University caíram do top 50.

 

Outro aspecto interessante de se considerar é que novas 141 universidades do mundo inteiro conseguiram uma posição no Times Higher Education World University Rankings pela primeira vez na sua edição 2021. O melhor resultado entre elas foi da Paris-Saclay University, da França, que ficou na 178ª posição.

 

O Brasil no ranking das melhores universidades do mundo

 

USP é a melhor universidade do Brasil no ranking da Times Higher Education 2021

 

A melhor classificada do Brasil é a Universidade de São Paulo (USP) na faixa das 201-250. O resultado foi uma melhoria em relação aos dois rankings anteriores em que conquistou um lugar entre as 251-300. No entanto, em 2012 e 2013, ela estava no top 200, mas desde 2014 não consegue repetir esse desempenho.

 

Depois dela, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) está na faixa 401-500 e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a Universidade federal de São Paulo (Unifesp), a Universidade Federal de Sergipe (UFS) e a PUC-Rio ficaram na faixa 601-800.

 

Como o ranking da Times Higher Education é calculado?

 

O Times Higher Education World University Rankings usa 13 indicadores-chave de avaliação. Eles são projetados para analisar o desempenho das universidades em áreas críticas de ensino, pesquisa, internacionalização e transferência de conhecimento.

 

A produção do ranking também conduz extensas entrevistas com mais de 22.000 estudantes do mundo inteiro e examina mais de 80 milhões de citações das pesquisas das universidades.

 

Os indicadores de desempenho são divididos em cinco áreas, cada uma com uma porcentagem relativa:

 

1. Ensino: 30%

  • Pesquisa de reputação;
  • Proporção entre estudantes e professores;
  • Proporção entre estudantes de doutorados e bacharelados;
  • Docentes com diplomas de doutorado;
  • Renda institucional.

 

2. Pesquisa: 30%

  • Pesquisa de reputação;
  • Renda das pesquisas;
  • Produtividade.

 

3. Citações (influência das pesquisas): 30%

 

4. Perspectiva internacional: 7,5%

  • Proporção de estudantes internacionais;
  • Proporção de docentes internacionais;
  • Colaborações internacionais;

 

5. Resultado na indústria (transferência de conhecimento): 2,5%

 

Visite o Times Higher Education World University Rankings 2021.

 

Quer estudar nas melhores universidades do mundo?

 

Se você quiser saber se tem chances de ser admitido em uma das melhores universidades do mundo e como se inscrever em uma graduação oferecida por elas, nós temos uma série de artigos que irão lhe ajudar:

 

CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA

Leitura recomendada

As 10 melhores cidades universitárias de 2015

O QS Top Universities lançou mais uma lista útil para quem está considerando estudar no exterior: as 10 melhores cidades universitárias do mundo. Para constar no ranking, elas deveriam ter pelo menos duas universidades no ranking da QS World University Rankings e uma população de mais de 250 mil habitantes. As cidades foram avaliadas em cinco fatores: ranking universitário, diversidade de estudantes, empregos, atração de estudantes e acessibilidade financeira.

4.8K

As 20 melhores cidades estudantis do mundo de 2017, segundo ranking QS

Montreal, eleita a melhor cidade estudantil de 2017, desbancou Paris, invicta há cinco anos.   Duas cidades francófonas dominaram o índice QS Best Student Cities, lista das melhores cidades do mundo para estudantes internacionais. Montreal, no Canadá, ultrapassou Paris e conquistou o primeiro lugar da lista. Localizada na província de Quebec, ela tem a segunda maior população nativa na língua francesa do mundo, perdendo apenas para a própria capital

4K

LinkedIn lista as 10 faculdades mais influentes do mundo na rede

O LinKedIn costuma fazer listas das marcas mais influentes na rede social separadas por setores. Um deles é o da educação. A edição mais atual listou as 50 instituições mais influentes do mundo segundo a avaliação de marketing de conteúdo do LinkedIn, que analisa todas as atividades das marcas na plataforma, como updates na página da empresa, compartilhamentos dos seus colaboradores, posts patrocinados, atividades em grupos na rede e textos publicados.  

1.9K