Essenciais
Estude no exterior : informações de assunto

As diferentes áreas de Engenharia

Conheça mais sobre as oito principais áreas de estudo da Engenharia e onde estudá-las no exterior.

As diferentes áreas de Engenharia

A Engenharia como área acadêmica é uma combinação de criatividade, ciências, tecnologia e solução de problemas. Ela é oferecida por uma quantia incrível de instituições do mundo inteiro, mas mais incrível ainda é a variedade de especializações e subdivisões disponíveis para quem quer estudá-la e caminhos profissionais após a graduação.

 

A seguir, conheça as principais áreas da Engenharia, de acordo com o site scholarshipstory!

 

1. Engenharia Aeroespacial

 

Estudar engenharia aeroespacial no exterior

 

Às vezes chamada de Aeroespacial, às vezes de Astronáutica ou Aeronáutica, esse campo da Engenharia estuda o design, construção e operação de aeronaves, mas já foi amplificado o suficiente para abranger o estudo de todos os veículos que operam acima da superfície da Terra.

 

Segundo o site da Pennsylvania State University, por exemplo, a definição de Engenharia Aeroespacial é “o principal campo da engenharia voltado ao projeto, desenvolvimento, teste e produção de aeronaves, espaçonaves e sistemas de equipamentos relacionados. A área tradicionalmente concentra-se em problemas referentes ao voo atmosférico e espacial, com dois ramos principais Aeronáutica e Astronáutica”.

 

O mesmo site ainda diferencia as suas áreas:

 

  • Engenharia Aeronáutica: foco na teoria, tecnologia e prática de voo na atmosfera terrestre.
  • Engenharia Astronáutica: foco na ciência e tecnologia de espaçonaves e veículos de lançamento.

 

Quem se forma em Engenharia Aeroespacial pode construir carreiras como:

 

  • Engenheiro aeroespacial;
  • Engenheiro de aeronaves;
  • Astronauta;
  • Astrofísico;
  • Professor universitário;
  • Piloto comercial;
  • Empreendedor;
  • Pesquisador/cientista;
  • Engenheiro de voo;
  • Piloto de teste.

 

Onde estudar Engenharia Aeroespacial

 

 

2. Engenharia Biomédica

 

Estudar engenharia biomédica no exterior

 

A Engenharia Biomédica ou Bioengenharia estuda a aplicação dos conhecimentos e os princípios da engenharia nas áreas de Medicina e Biologia. O curso é uma combinação de módulos de Engenharia, Medicina, Ciências Naturais e Físicas com intuito de criar aparelhos, projetar operações e inventar técnicas que prolonguem e melhorem a saúde e bem-estar de humanos e animais.

 

“[A Engenharia Biomédica] é evidente por todo o sistema de saúde, do diagnóstico e análise ao tratamento e recuperação, e ganhou um lugar na consciência pública por meio da proliferação de dispositivos médicos implantáveis, como o marca-passos e quadris artificiais até tecnologias mais futuristas como a engenharia de células-tronco e impressão 3D de órgãos biológicos”, explica o site da Michigan Technological University.

 

Quem se forma em Engenharia Biomédica pode construir carreiras como:

 

  • Bioengenheiro;
  • Engenheiro biomédico;
  • Professor universitário;
  • Engenheiro de materiais;
  • Engenheiro mecânico;
  • Consultor médico;
  • Físico;
  • Fisiólogo;
  • Engenheiro de reabilitação;
  • Pesquisador/cientista.

 

Onde estudar Engenharia Biomédica

 

 

3. Engenharia Química

 

Estudar engenharia química no exterior

 

A Engenharia Química são os estudos de materiais, elementos químicos ou componentes que ajudam na aplicação de processos ou atendem às necessidades de produções. No curso acadêmico, você aprenderá os efeitos dos produtos químicos, tentará encontrar novos compostos e procurará maneiras de reverter efeitos indesejáveis, como poluição.

 

A University of New South Wales, em Sydney, explica que a Engenharia Química costuma ser descrita como uma área verdadeiramente ampla. “Não surpreende então que os engenheiros químicos sejam conhecidos como ‘engenheiros universais’”, conta em seu site oficial.

 

De maneira mais simplificada, esses profissionais estão envolvidos na transformação de uma coisa em outra. Parece mágica, mas eles procuram soluções para problemas diversos como, por exemplo, fazer um celular vibrar e evitar que o sorvete derreta.

 

Quem se forma em Engenharia Química pode construir carreiras como:

 

  • Engenheiro químico;
  • Professor universitário;
  • Engenheiro ambiental;
  • Consultor de gestão;
  • Metalúrgico;
  • Engenheiro de petróleo;
  • Engenheiro de plásticos;
  • Designer de produtos;
  • Pesquisador químico;
  • Cientista.

 

Onde estudar Engenharia Química

 

 

4. Engenharia Mecânica

 

Estudar engenharia mecânica no exterior

 

A Engenharia Mecânica estuda a aplicação dos princípios da engenharia em problemas mecânicos e desenvolve uma ampla variedade de atividades, como pesquisa, invenção, design, construção, operação e até mesmo venda de produtos mecânicos.

 

“Resumidamente, a Engenharia Mecânica lida com tudo que se move, desde a menor micropartícula até a maior espaçonave, inclusive o corpo humano – uma das nossas máquinas mais complexas”, explica o site da University Washington, nos Estados Unidos. “É a mais ampla de todas as disciplinas da engenharia e o trabalho interdisciplinar é a chave para o seu sucesso.”

 

Quem se forma em Engenharia Mecânica pode construir carreiras como:

 

  • Engenheiro automotivo;
  • Professor universitário;
  • Consultor;
  • Designer;
  • Engenheiro industrial;
  • Engenheiro mecânico;
  • Engenheiro de reabilitação;
  • Pesquisador/cientista.

 

Onde estudar Engenharia Mecânica

 

 

5. Engenharia Civil

 

Estudar engenharia civil

 

Basicamente, a Engenharia Civil estuda o design e a construção de represas, pontes, prédios, rodovias e sistemas de abastecimento de água. No entanto, a área se abrangeu para responder a problemas crescentes de uma sociedade complexa, passando a incluir também moradia, controle da poluição, gestão integrada de resíduos sólidos, conservação de recursos hídricos e várias outras questões importantes.

 

De acordo com o site da Monash University, na Austrália, os engenheiros civis são responsáveis pelas necessidades básicas e infraestrutura da sociedade moderna. “Eles melhoram os sistemas e processos que permitem aos humanos e à natureza coexistirem com o mínimo de impacto.”

 

Quem se forma em Engenharia Civil pode construir carreiras como:

 

  • Engenheiro civil;
  • Professor universitário;
  • Consultor;
  • Empreiteiro;
  • Designer;
  • Engenheiro de materiais;
  • Engenheiro de estruturas;
  • Engenheiro de sistemas;
  • Engenheiro hidráulico;
  • Pesquisador/cientista.

 

Onde estudar Engenharia Civil

 

 

6. Engenharia Elétrica

 

Estudar engenharia elétrica no exterior

 

A Engenharia Elétrica abrande uma variedade de atividades que dependem da eletricidade para funcionar, desde celulares a grandes geradores. A função do engenheiro elétrico engloba uma amplitude de áreas, como fibras ópticas, eletrônica, computação, sistemas de comunicação, microcircuitos, controle ambiental e biomedicina.

 

“A Engenharia Elétrica está alimentando, conectando, digitalizando e automatizando um futuro melhor”, resume o site da University of Notre Dame, nos Estados Unidos. Segundo a publicação, essa área envolve pesquisa, desenvolvimento, design e operações de sistemas elétricos e eletrônicos e seus respectivos componentes.

 

Quem se forma em Engenharia Elétrica pode construir carreiras como:

 

  • Engenheiro elétrico;
  • Engenheiro ambiental;
  • Consultor;
  • Professor universitário;
  • Designer;
  • Engenheiro aeroespacial;
  • Engenheiro automotivo;
  • Piloto;
  • Gerente de companhia de energia;
  • Engenheiro de produção;
  • Cientista/pesquisador.

 

Onde estudar Engenharia Elétrica

 

 

7. Engenharia Ambiental

 

Estudar engenharia ambiental no exterior

 

A Engenharia Ambiental estuda as tecnologias de conservação dos recursos materiais e de energia. Há dois lados nessa área: a redução de riscos ambientais e a conversão de passivos em ativos relacionados à energia.

 

Trata-se da aplicação de princípios científicos e ferramentas da engenharia para melhorar o ambiente natural, resolver problemas de poluição e garantir a sustentabilidade ambiental, como explica o site da University of Delaware, nos Estados Unidos.

 

O engenheiro químico estudará e desenvolverá soluções para a poluição atmosférica, resíduos perigosos, gestão de resíduos sólidos, recursos hídricos, águas residuais, entre vários outros tópicos de importância enorme para a sociedade.

 

Quem se forma em Engenharia Ambiental pode construir carreiras como:

 

  • Ecólogo;
  • Consultor;
  • Engenheiro ambiental;
  • Palestrante/ativista;
  • Engenheiro de controle de poluição;
  • Professor universitário;
  • Cientista/pesquisador.

 

Onde estudar Engenharia Ambiental

 

 

8. Engenharia de Software

 

Estudar engenharia de software no exterior

 

A Engenharia de Softwares combina os fundamentos da Engenharia Elétrica e Mecânica com os princípios da Ciência da Computação com o objetivo de criar produtos de softwares para uso em negócios, educação, ciência, indústria e entretenimento.

 

A University of Glasgow explica que esses engenheiros desenvolvem e mantêm infraestruturas de software complexas em grande escala. Para isso, precisam estudar uma combinação teórica da computação e os princípios e as práticas usadas na indústria moderna de software.

 

Quem se forma em Engenharia de Software pode construir carreiras como:

 

  • Animação de computador;
  • Professor universitário;
  • Desenvolvedor web;
  • Gerente de TI;
  • Analista de sistemas;
  • Empreendedor;
  • Criador/desenvolvedor/técnico de software;
  • Programador;
  • Cientista/Pesquisador.

 

Onde estudar Engenharia de Softwares

 

 

Infográfico: as áreas principais de engenharia

 

Leia também:

Bolsas de estudo de Engenharia pelo mundo

O que são as áreas de estudo STEM?

Entrevista: estudar mandarim e Engenharia na China

CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA

Leitura recomendada

Por que estudar Direito?

Por que Direito? Esta é uma pergunta que todo aspirante a estudante da área terá de responder muitas e muitas vezes, seja no processo seletivo universitário, no processo seletivo para bolsas de estudo, em inscrições para vagas de trabalho, durante entrevistas... A lista continua! A questão pode tomar diferentes formas: por que você quer ser um advogado? Por que você a carreira em Direito é a opção certa para você? Mas, basicamente, a pergunta é a mesma.  

25.4K

Os diferentes tipos de MBA

Ser um profissional qualificado, atualmente, significa ter não só uma graduação como também uma pós-graduação. Independente do tipo de continuação que você pretende dar aos estudos acadêmicos, não estagnar no bacharelado já não é mais opção, é essencial. A maioria dos profissionais inseridos no mundo do business, em qualquer área ou setor, tende a optar por um MBA. Mas a princípio é importante saber: qual é a diferença entre pós-graduação e MBA?   MBA

14K

O que são e por que fazer os cursos preparatórios no exterior?

Foundation, accesss, pathway, bridge courses ... Os  cursos preparatórios podem mudar de nome e ter algumas variações, mas sempre representam a mesma coisa: à sua introdução ao ensino superior no exterior. Isto significa que você os cursa após a conclusão do ensino médio com a intenção de se preparar para uma graduação.   Trata-se de uma qualificação vocacional ou acadêmica, dependendo do país e do objetivo do programa, oferecida em diferentes

9K

10 melhores graduações de Moda do mundo

Interessado em estudar Moda no exterior ? O Business of Fashion (BoF), considerada a bíblia da área educacional, listou as dez melhores escolas de moda no mundo para cursos de graduação. A avaliação das instituições teve como base os seguintes fatores:   Influência global: reputação, seleção de alunos e premiações; Experiência estudantil: corpo discente, recursos e ensino; Investimento a longo prazo: serviço de carreira, empregabilidade

6.8K