Essenciais
Estude no exterior : informações de assunto

Entenda como ser uma Au Pair pode ajudar no seu desenvolvimento pessoal e profissional

As habilidades que você desenvolverá sendo Au Pair no exterior e quais são os requisitos para participar deste tipo de programa de intercâmbio

Entenda como ser uma Au Pair pode ajudar no seu desenvolvimento pessoal e profissional
144

Passar um tempo como Au Pair antes de ir para a universidade ou durante um ano sabático pode oferecer inúmeros benefícios pessoais e profissionais. Não por acaso, este é um dos programas de intercâmbio mais procurados por meninas na faixa entre 18 a 26 anos que gostam de crianças e estão interessadas em viver uma experiência diferente no exterior.

 

O programa de Au Pair envolve uma imersão completa na cultura de uma família local, permitindo às participantes compartilhar de maneira intensa o cotidiano no exterior e ainda receber em dólares por isso. Além do salário, o programa inclui refeição e acomodação, uma bolsa de estudos e férias remuneradas.

 

Envolver-se no desenvolvimento de crianças em um ambiente familiar é uma responsabilidade que faz com que muitas Au Pairs acabem, ainda, solidificando seus objetivos profissionais ou até mesmo transformando suas carreiras após a experiência.

 

Isso porque, além de aprimorar o inglês e ter uma experiência internacional no currículo, participar de um intercâmbio como este também pode sinalizar para futuros empregadores que a pessoa é independente, adaptável e capaz de enfrentar um grande desafio em qualquer lugar do mundo.

 

Segundo Rosana Lippi, gerente dos programas de trabalho no exterior do STB, o programa de Au Pair proporciona um ambiente de desenvolvimento de competências úteis tanto para a vida pessoal quanto profissional. “O programa ajuda a ganhar mais maturidade, flexibilidade, capacidade de negociação e, claro, a aprimorar o inglês”, afirma.

 

Conheça alguns benefícios que o programa de Au Pair pode trazer para o currículo:

 

1. Aperfeiçoamento do inglês

 

Para participar do programa de Au Pair é necessário ter, no mínimo, inglês intermediário. Isso porque, além da comunicação com a família, estará incluso no programa uma bolsa de estudos no país.

 

Durante o intercâmbio, as Au Pairs terão, ainda, a oportunidade de utilizar o inglês intensamente no dia a dia, o que inevitavelmente as ajudará a desenvolver de maneira definitiva o idioma - algo extremamente valorizado pelo mercado de trabalho, independentemente da área de atuação. A imersão no idioma é tão grande que muitas participantes acabam seguindo carreiras relacionadas ao ensino de inglês após o fim do programa.

 

2. Troca cultural

 

Durante o programa de Au Pair, as participantes terão a chance de viver uma intensa troca cultural com o país anfitrião. Isso porque elas terão contato com hábitos muito específicos do país, que vai da comida às tradições.

 

Além disso, a maioria das famílias que participam do programa está acostumada a receber Au Pairs (cerca de 80% delas já participou do programa) e, portanto, costumam ser acolhedoras e gostar da troca cultural que este intercâmbio propõe.

 

Como Au Pairs, as participantes adquirem uma experiência de vida inestimável no âmbito pessoal e também para o mercado de trabalho, para o qual passam a transmitir qualidades como flexibilidade e facilidade de adaptação.

 

Segundo Rosana Marques, gerente de RH da Crowe Horwath, grande rede das áreas de auditoria e consultoria, um candidato que tenha uma experiência internacional se destaca não só por conta da maior fluência no idioma, mas também pelas habilidades pessoais desenvolvidas durante o período.

 

“Viver novas experiências, culturas, conhecer pessoas novas e estar longe de sua zona de conforto e família ensina não só a participante a se adaptar, mas também a conquistar as coisas sozinha”, afirma.

 

3. Responsabilidade e independência

 

Para expandir os horizontes, é preciso deixar seu ambiente para viver em um novo país, rodeado por pessoas que têm diferentes opiniões e costumes. Como Au Pairs, as participantes viverão longe de casa, da família e dos amigos por um longo período, o que as ajuda a desenvolver resiliência e também a independência, características valorizadas pelo mercado de trabalho.

 

Durante o programa, as participantes se tornam, ainda, mais responsáveis, pois cuidar de crianças é uma tarefa que exige atenção e organização. “Sempre fui responsável, mas, depois dessa experiência, aprendi ainda mais a resolver meus problemas, a correr atrás das coisas. Cuidava de quatro crianças: dois meninos de oito anos, uma menina de dez e outra de 13. Esta experiência me tornou mais madura. Além disso, aprendi a ser muito grata mesmo quando as coisas são mais difíceis”, diz a estudante Paula Medeiros, de 24 anos, que participou do programa de Au Pair nos Estados Unidos com o STB.  

 

Com o aumento da responsabilidade e com a realização bem-sucedida das tarefas do dia a dia, as participantes tendem a aumentar também a sua autoconfiança, outra qualidade importante no processo de colocação no mercado de trabalho.

 

Quais são os principais pré-requisitos para ser Au Pair nos Estados Unidos?


Para participar do programa de Au Pair nos Estados Unidos com o STB, os requisitos principais são:

 

  • Ser mulher;
  • Ter entre 18 e 26 anos;
  • Gostar de cuidar de crianças.

 

Também é fundamental que a participante:

 

  • Seja solteira;
  • Não tenha filhos;
  • Tenha inglês de nível intermediário;
  • Tenha segundo grau completo;
  • Tenha experiência comprovada de, no mínimo, 300 horas com crianças (que não sejam familiares).

 

É necessário, ainda, ter disponibilidade para permanecer por 12 meses nos Estados Unidos, ter carteira de habilitação e saber dirigir.

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

Entenda como ser uma Au Pair pode ajudar no seu desenvolvimento pessoal e profissional

G.A.T.E. – Global Access Through Education é uma plataforma criada pelo STB – Student Travel Bureau com o objetivo de reunir educadores, pais, alunos e profissionais em um fórum, oferecendo conteúdo inovador sobre educação, cultura e desenvolvimento profissional e pessoal. G.A.T.E acontece durante todo o ano online, por meio do site e de palestras baseadas em conteúdos específicos em escolas, universidades e nos escritórios do STB.

Dê uma olhada...