Essenciais
Estude no exterior : informações de assunto

Por que estudar Artes Visuais no exterior?

1622

O dicionário define Artes Visuais como as artes criadas principalmente para a percepção visual, como desenho, artes gráficas, pintura, escultura e decoração. Apesar de ser uma definição bem resumida, as Artes Visuais representam muito mais do que isso! Elas são importantíssimas para a história do homem por contar a evolução da sociedade e da cultura por meio da arte através dos séculos, assim como seus materiais, técnicas e expressões. Se você se interessa por todas as formas de artes, esta pode ser a área certa para a sua graduação.

 

Ligada diretamente ao deleite dos olhos, inclui-se também a fotografia, o vídeo, a cerâmica, as estampas, os artesanatos, a arquitetura, etc. No geral, o artista visual e os admiradores de suas obras são aqueles que observam, consomem ou produzem imagens e objetos da cultura visual.

 

Visão geral da área de Artes Visuais

 

As Artes Visuais são para estudantes interessados em contar histórias, brincar com paradoxos e o ilógico, incitar ideias e sensações e produzir conteúdo crítico. Ao criar artes visuais, você aprende a se expressar com a mente, coração, corpo e alma, comunicante e interpretando uma identidade como indivíduo, grupo, comunidade ou sociedade. O estudante desta área irá aprender todas as formas de comunicação visual para contribuir com o processo de desenvolvimento social e cultural, tanto localmente, quanto nacional e internacionalmente.

 

As Artes Visuais também servem para desafiar o comum, o estabelecido. O artista pode experimentar novos materiais, movimentos, técnicas, tendências, ferramentas, e muito mais, para criar novos processos e respostas.

 

Estrutura típica do curso de Artes Visuais

 

Os cursos acadêmicos de Artes Visuais, apesar de conter teoria, costumam ser predominantemente práticos, com oficinas e workshops. Eles são oferecidos por academias e escolas de artes do mundo todo. Há opções de diplomas, certificados e bacharelados inteiramente de Artes Visuais, ou então a área de estudo parece como uma disciplina opcional, extracurricular ou uma minor para estudantes de qualquer graduação.

 

É por ser tão prático que a maioria dos processos seletivos de cursos de Artes Visuais no exterior exige que os candidatos apresentem um portfólio de trabalhos para avaliação. Isso se faz necessário para que a Universidade identifique os interesses e aptidões dos estudantes, e também para saber se os seus objetivos e seus trabalhos condizem com a grade curricular e a proposta da instituição.

 

Algumas universidades oferecem áreas de especialização. Isto significa que o estudante concluirá uma grade de disciplinas padrões e obrigatórias, mas poderá, durante ou posteriormente a estes estudos, focar-se em uma área específica das Artes Visuais, como pintura, escultura, cerâmica ou fotografia. Todos os cursos com parte teórica incluirão um módulo de História da Arte.

 

Ao término do curso, os estudantes se formam com um novo portfólio de trabalhos incrível que irá ajudá-los a dar início a uma carreira como artista.

 

Alguns exemplos de cursos de Artes Visuais no Exterior

 

A Western University, em Ontário, Canadá, tem um Departamento de Artes Visuais que oferece quatro bacharelados: Bacharelado de Artes com Honras (quatro anos), Bacharelado de Belas Artes com Honras - Artes de Estúdio (quatro anos), um Bacharelado de Artes de quatro anos e um de três anos. Todos eles têm áreas de especialização disponíveis aos estudantes, como História da Arte e Estudos de Museus e Curatoriais.

 

O estudante pode montar a própria grade curricular. Todos os cursos exigem de 15 a 20 módulos obrigatórios para a conclusão do bacharelado. “Estes programas combinam o estudo da história da arte e da teoria com a produção de arte viva e contemporânea. Nosso comprometimento em integrar a teoria da arte com trabalhos em estúdio desde o início do curso nos destaca entre as demais escolas”, informa o site oficial da Western University.

 

Créditos da imagem: site oficial da Western University.

 

O Eastern Institute of Technology, na Nova Zelândia, tem um Bacharelado de Artes Visuais e Design no seu campus em Hawke’s Bay. Ele pode ser cursado em período integral ou em meio período e tem três anos de duração. Durante a graduação, você aprenderá as teorias e técnicas principais da área para se tornar um artista ou designer profissional, realizando projetos práticos como base do aprendizado.

 

O EIT tem as disciplinas de Design 3D (madeira, argila, metal e plástico), Impressão (xilogravura, serigrafia, foto-serigrafia e gravura a água-forte), Impressão 3D, Desenho e Design, Escultura e Instalação, Pintura (acrílico, óleo e mídias novas), entre outras.

 

“O objetivo principal deste curso é te educar e incentivar a pensar criativamente, agir profissionalmente e desenvolver habilidades técnicas necessárias para uma carreira de sucesso como um artista e/ou designer”, explica o site oficial do Instituto.

 

Outras universidades com Bacharelados de Artes Visuais e diferentes especializações:

 

 

Carreiras em Artes Visuais

 

Com um diploma ou bacharelado de Artes Visuais, você pode construir carreira como:

 

  • Escultor;
  • Pintor;
  • Designer de móveis;
  • Designer gráfico;
  • Designer de interiores;
  • Ilustrador;
  • Designer gráfico;
  • Crítico de arte;
  • Professor de artes;
  • Artista freelancer;
  • Administrador de artes;
  • Historiador de Arte;
  • Pesquisador;
  • Curador.

 

Leia mais:

As dez universidades mais criativas do Reino Unido

Estudar Design da Moda no exterior

Estudar Design Gráfico no exterior

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Dê uma olhada...