Essenciais
Estude no exterior : Visto

5 passos para evitar o atraso do seu visto de estudante

5 passos bem simples para evitar o atraso da solicitação e concessão do seu visto de estudante. Viaje para estudar no exterior sem complicações e no prazo certo!

5 passos para evitar o atraso do seu visto de estudante
103

O número de solicitações de visto para alguns destinos mais populares é enorme, não só de estudante, como de turismo e trabalho também. Absolutamente toda universidade no exterior orientará seus candidatos internacionais a se programar para passar pelo processo seletivo com tempo suficiente para que o visto seja solicitado, concedido e entregue antes da data de viagem.

 

Caso contrário, o estudante não pode entrar no país estrangeiro, consequentemente, atrasa os seus estudos e até mesmo corre o risco de perder sua vaga.

 

Por isso, a organização será a sua melhor estratégia. Certifique-se de seguir cada um dos passos a seguir!

 

1. Verifique todos os prazos certos

 

Até que dia você precisa enviar a sua inscrição à universidade? Em quanto tempo você saberá se foi admitido? Depois de aceitar a admissão, quanto tempo levará para você receber os documentos necessários (como o formulário I-20 para estudar nos EUA, por exemplo, que é emitido pela universidade)? Qual é o tempo de espera para uma entrevista no consulado? Que dia começam as aulas? Você precisa chegar com quantos dias de antecedência?

 

Verifique cada uma destas questões com cuidado para construir uma espécie de linha do tempo para a solicitação do seu visto dentro de todos os prazos necessários.

 

2. Inscreva-se com antecedência

 

O quanto antes você se inscrever na universidade, mais rápido receberá uma resposta e poderá solicitar o seu visto com antecedência. No entanto, se a instituição não tiver um processo continuo e exigir que todos se candidatem na mesma data, não espere a resposta para ter todos os documentos preparados para o visto. Programe-se para, assim que receber a sua resposta, já ter tudo pronto para fazer imediatamente a sua solicitação.

 

O mesmo vale para o seu passaporte. Se você ainda precisa tirar o seu ou renová-lo, melhor fazê-lo com antecedência.

 

3. Exames médicos e certificado da polícia

 

Para conseguir o visto para vários países, você precisará apresentar um atestado médico e também o seu certificado de antecedentes criminais emitido pela Polícia Federal ou Estadual pela internet.

 

Providencie estes documentos o quanto antes possível, principalmente, o de caráter médico, porque, em muitos, casos, você precisará de algum tipo de exame (como raio X do tórax) e/ou que algum médico preencha um formulário alegando sua boa saúde.

 

4. Ler TODAS as instruções cuidadosamente

 

Antes de dar início ao processo, leia atenciosamente todas as instruções no site oficial. Provavelmente, você terá um tempo limitado para finalizar o preenchimento do formulário e também deverá fazer o upload de alguns documentos digitalizados. Também precisará agendar uma data para a sua entrevista presencial e responder várias questões de praxe.

 

Prepare-se antes de dar início à inscrição. Se a sua solicitação estiver incompleta, com qualquer informação ou documento faltando, ela pode ser cancelada ou revolvida, atrasando todo o seu processo.

 

5. Pagar a taxa de solicitação

 

Pesquise o valor da taxa e também as formas de pagamento aceitas pelo consulado. Se for online, você tem um cartão de crédito válido? Se for com boleto em um agência bancária, qual é a mais próxima de você. Você tem a quantia certa? Lembrando que em alguns casos o valor pode ser na moeda estrangeira.

 

Pronto! Tudo pronto para uma solicitação bem-sucedida e dentro do prazo necessário!

 

Leia também:

Pedido de visto de estudante para os EUA

O que é Tier 4 (general) visa – visto para o Reino Unido?

Pesquise por cursos

Selecione país
Graduação
SOBRE O AUTOR

5 passos para evitar o atraso do seu visto de estudante

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.

Dê uma olhada...