Essenciais
França: Financiamento Estudantil

Quanto custa estudar na França: entenda os preços

Estudar na França: entenda a média de valores de graduações e pós-graduações em universidades francesas para estudantes internacionais.

Quanto custa estudar na França: entenda os preços

Já considerou estudar na França? Ao pensar nesse país como destino de estudo, com certeza, uma das dúvidas que surgirão é quanto custam os cursos acadêmicos nas universidades francesas. Essa é uma pergunta muito sensata e importante de entender antes de tomar a sua decisão.

 

Estudar na França

 

Quanto custa estudar na França?

 

As taxas de ensino na França são relativamente baixas em comparação com o resto da Europa, segundo o site da Times Higher Education. E o motivo para isso é que a maioria das instituições de ensino superior da França é financiada pelo estado. Portanto, geralmente há uma taxa nominal, dependendo do nível dos seus estudos, para estudantes franceses, europeus e não europeus.

 

Quanto custa uma universidade pública na França?

 

As universidades públicas na França cobravam em média € 189 por ano para um bacharelado, € 259 para um mestrado, € 393 para um doutorado e € 611 para frequentar uma escola de engenharia em 2017.

 

Já o site oficial do ensino superior francês, Campus France, traz os seguintes valores para o ano acadêmico de 2021 – 2022 para estudantes estrangeiros com dupla cidadania europeia:

 

  • € 170 por ano em Licence;
  • € 243 por ano em Master;
  • € 601 por ano em formações em engenharia em uma instituição sob tutela do Ministério do Ensino Superior;
  • € 380 por ano para Doutorado.

 

No entanto, como em quase todos os lugares do mundo, se você for estrangeiro e não tiver cidadania europeia, os valores aumentam. Na França, isso passou a valer apenas em 2019. Até então, o país não diferenciava o valor dos cursos universitários entre europeus e não europeus (de fora da União Europeia, Espaço Econômico Europeu, Suíça e Québec). Não houve aumento apenas para doutorados; as taxas permaneceram as mesmas de € 380 por ano para estudantes europeus e internacionais.

 

O Campus France informa essas médias de preços para estudantes não europeus no ano acadêmico de 2021 - 2022:

 

  • € 2.770 por ano em Licence;
  • € 3.770 por ano em Master;
  • € 380 por ano para Doutorado.

 

Mesmo mais altos do que para europeus, esses valores ainda são mais baratos do que em muitos outros destinos de estudo famosos do mundo, como Estados Unidos e Reino Unido.

 

As universidades na França também costumam cobrar taxas de administração, o que causa alguma elevada no preço. Então, fique atento na hora de planejar o seu orçamento.

 

O Campus France tem uma lista completa das principais instituições públicas de ensino superior da França, ou seja, aquelas que tem todos ou boa parte dos seus gastos custeados pelo governo:

 

  • As universités públicas;
  • As comue – comunidade de universidades e instituições públicas;
  • O Institut National Polytechnique de Toulouse
  • As quatro escolas centrais (écoles centrales) de Lille, Lyon, Marseille e Nantes;
  • Os seis Institutos Nacionais de Ciências Aplicadas (instituts nationaux des sciences appliquées - INSA) em Lyon, Rennes, Toulouse, Rouen, Strasbourg e Centre-Val de Loire;
  • As três universidades de tecnologia (universités de technologie) em Compiègne, Belfort-Montbéliard e Troyes;
  • As quatro escolas normais superiores (écoles normales supérieures - ENS) em Paris, Cachan, Lyon e Rennes;
  • Nove instituições e escolas de engenharia exteriores às universidades;
  • Vinte grandes instituições como o Collège de France, o Conservatório Nacional das Artes e Comércios (Conservatoire National des Arts et Métiers - Cnam), o Instituto Nacional de Línguas e Civilizações Orientais (Institut National de Langues et de Civilisations Orientales - Inalco) e a Escola de Estudos Avançados em Ciências Sociais (École des Hautes Études en Sciences Sociales - Ehess);
  • As cinco instituições francesas no exterior: a École Française d'Athènes, a École Française de Rome, a École Française d'Extrême-Orient, o Institut Français d'Archéologie Orientale du Caire e a Casa de Velázquez de Madrid;
  • Os 25 órgãos públicos de pesquisa, como CNRS, CNES, CIRAD, INSERM, INRA e IFREMER.

 

Quanto custa uma universidade privada da França?

 

Para estudar em uma das grandes écoles ou grands établissments privadas da França, instituições altamente seletivas, você chega a pagar entre € 3.000 e € 20.000 por ano. Ou seja, o valor pode variar amplamente dependendo da escola, curso, localização, nível de estudo, área de estudo e muito mais.

 

Segundo o site Campus France, apenas 18% dos estudantes universitários na França estão matriculados em instituições particulares. E elas são classificadas como privadas por não terem sido criadas e/ou não receberem financiamento público do Estado. Mas isso não significa que não sejam escolas de confiança – o governo francês analisa minuciosamente as instituições privadas e, quanto aprovadas, recebem o reconhecimento oficial e a autorização para conceder diplomas nacionais.

 

Algumas dessas universidades privadas oferecem apenas pós-graduação, como a renomada Ecole Normal Supérieure, localizada em Paris, que exige que os alunos frequentem primeiro dois anos de uma escola preparatória ou que sejam transferidos após dois ou mais anos de estudos de uma graduação. Ela custa € 750 por ano, mas a boa notícia é que ela cobra dos estudantes internacionais o mesmo valor que dos estudantes nacionais.

 

Uma instituição privada de Engenharia, Gestão ou Negócios pode chegar a custar até € 30.000 por ano. Essas são áreas normalmente mais caras em qualquer lugar do mundo.

 

Embora a Times Higher Education proporcione essas médias listadas logo acima, o Campus France orienta a consultar diretamente o site de cada instituição para se certificar das taxas cobradas de estudantes internacionais.

 

Quanto custa estudar francês na França?

 

De acordo com o Campus France, há mais de 1.300 cursos de ensino superior ministrados em inglês na França. Assim, não é obrigatoriamente necessário saber francês para estudar na França e obter um diploma acadêmico, embora sempre seja recomendável aprender o básico do idioma para conviver no país.

 

No entanto, há mais de 300 milhões de francófonos no mundo e o idioma é maravilhoso. Então, se a sua intenção for fazer um curso de francês na França e ganhar proficiência na língua, o ideal é pesquisar diretamente com as escolas de idioma do país, pois os preços são extremamente variados. (De fato, não encontramos um site oficial ou confiável para reunir uma média aqui).

 

Os preços variam de acordo com duração; se incluem acomodação e alimentação ou não; se são intensivos ou não; entre outros fatores. Então, fique atento!

 

Leia também:

CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA