Essenciais
Hong Kong: Destino de Estudo

Hong Kong tem três das universidades mais internacionais do mundo

Lista compilada pela Times Higher Education reúne as universidades mais internacionais do mundo; Hong Kong conquistou três posições do top 5.

Hong Kong tem três das universidades mais internacionais do mundo

Usando dados do seu famoso ranking universitário, a Times Higher Education (THE) compilou uma lista das instituições de ensino superior mais internacionalizadas do mundo. Alguns países se destacaram, como Suíça, Singapura, Reino Unido e, especialmente, Hong Kong. O território autônomo no sudeste da China conquistou três posições no top 5 do ranking.

 

Segundo a publicação oficial da THE, universidades são, por natureza, instituições globais que recebem uma comunidade de estudantes e professores de todas as partes do mundo e também por estudarem e resolverem alguns dos problemas globais mais urgentes por meio de projetos de pesquisa.

 

No entanto, algumas se destacam ainda mais na perspectiva internacional, como é o caso das três instituições honconguesas listadas abaixo. Para chegar a essa lista, a Times Higher Education analisou os dados de quatro métricas usadas para a avaliação das universidades no seu ranking anual:

 

  • Número de estudantes internacionais na universidade;
  • Número de professores internacionais na universidade;
  • Coautoria internacional de trabalhos científicos publicados;
  • Reputação internacional da universidade.

 

5 universidades mais internacionais do mundo

 

5 universidades mais internacionais do mundo

 

Conheça a seguir as cinco universidades mais internacionais do mundo segundo o Time Higher Education World University Rankings 2020.

 

1. City University of Hong Kong, Hong Kong

 

 

A Universidade da Cidade de Hong Kong, mais conhecida como CityU, é uma instituição pública de pesquisa localizada em Kowloon, na região norte de Hong Kong. Fundada em 1984, ela se tornou uma universidade totalmente acreditada apenas em 1994, mas a sua reputação internacional deslanchou rapidamente. Ela é a sétima melhor universidade do mundo de até 50 anos de idade, de acordo com o Young University Ranking também da Times Higher Education.

 

A CityU é formada por nove escolas e faculdades: Negócios, Engenharia, Artes Liberais e Ciências Sociais, Ciências, Medicina Veterinária e Ciências da Vida, Mídia Criativa, Ciência de Dados, Energia e Meio Ambiente, e Direito.

 

Ela conquistou o topo da lista de instituições internacionais da THE por:

 

  • Manter mais de 400 parcerias de intercâmbio em 44 países e regiões diferentes;
  • Mais de 1.200 de seus estudantes participam de programas de intercâmbio todos os anos.

 

Além disso, Hong Kong, por si só, é uma das cidades mais globais do mundo, o que explica parcialmente a conquista de mais duas posições nessa lista.

 

2. University of Hong Kong, Hong Kong

 

 

A Universidade de Hong Kong tem a missão de se tornar a “Universidade Global da Ásia”. Uma das metas dessa proposta é que todos os seus estudantes de graduação tenham duas oportunidades de estudar fora de Hong Kong até 2022.

 

Isso já é um indicativo dos esforços da universidade para se tornar a segunda instituição de ensino superior mais internacional do mundo. Ela tem 20.000 estudantes no total, dentre eles, 8.000 são estrangeiros.

 

Outro fator que ajuda bastante é que a Universidade de Hong Kog adotou o inglês como idioma oficial de ensino, com o objetivo de formar cidadãos globais que possam construir carreira em qualquer lugar do mundo.

 

Entre em contato com a University of Hong Kong para saber mais.

 

=3. École Polytechnique Féderale de Lausanne, Suíça

 

 

Teve empate no terceiro lugar e as duas instituições são suíças! Isso se deve à localização ideal do país entre cinco nações na Europa: França, Itália, Alemanha, Áustria e Liechtenstein. E é exatamente por isso que a Suíça tem quatro idiomas oficiais: alemão, francês, italiano e romanche.

 

A Escola Politécnica Federal de Lausana (EPFL) tem uma forte reputação na área de Engenharia e oferece 13 cursos diferentes de Ciências da Engenharia. Recentemente, ela também se tornou reconhecida pelo mundo pelos seus trabalhos em Ciências da Vida e Ciência da Computação.

 

Além de oferecer intercâmbios aos seus próprios estudantes, a EPFL mantém um programa de estágios para receber alunos de outras universidades renomadas para estudar e trabalhar por três meses em um dos seus laboratórios aclamados.

 

=3. ETH Zurique, Suíça

 

 

Localizado na capital e maior cidade da Suíça, o Instituto Federal de Tecnologia de Zurique, mais conhecido como ETH Zürich, oferece uma ampla variedade de mestrados ministrados na língua inglesa.

 

Ele recebe mais de 19.000 estudantes de 120 países e é uma das melhores universidades da Europa e do mundo – 6º lugar internacionalmente e 2º no continente segundo o QS World University Ranking.

 

Leia também: Por que o ETH Zurique é uma das melhores universidades do mundo?

 

5. Chinese University of Hong Kong, Hong Kong

 

 

A Universidade Chinesa de Hong Kong é uma instituição de pesquisa abrangente, criada em 1963. A sua missão é ser uma instituição com visão global e combinar tradição com modernidade, unindo a China ao Ocidente.

 

Ela acolhe estudantes de 50 países nas suas oito faculdades e tem parcerias com mais de 270 instituições em mais de 30 países e regiões. Com isso, aproximadamente 6.000 dos seus alunos conseguem estudar fora de Hong Kong ou participar de um programa de intercâmbio de aprendizado ou estágio no exterior durante o curso na CUHK.

 

Os benefícios de estudar em um ambiente internacionalizado

 

Segundo a THE, pesquisas sugerem que “comunidades diversas de estudantes melhoram a experiência de ensino e aprendizado, enquanto oportunidades de passar um período no exterior prepara-os para se tornarem cidadãos globais”.

 

Leia também:

CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA

Leitura recomendada

A educação moderna de Hong Kong: história, cultura e reforma

Não há nenhum outro lugar do mundo como Hong Kong. Influenciado por duas culturas diferentes e importantes, a cidade não só é uma força empresarial global ou um dos destinos turísticos mais procurados da atualidade, como também é um líder mundial em educação.   Uma grande reforma entre 2000 e 2006 ocasionou importantes mudanças na grade curricular, no ensino da língua e nos meios de avaliações de Hong Kong, afastando-se de modelos já obtusos e do

10.5K

Hong Kong: 5 top atrações turísticas

O que fazer nesta enorme cidade-estado? Nós listamos a seguir cinco lugares incríveis para que a sua experiência em Hong Kong seja completa:   Ilha de Lamma A Ilha da Lamma (ou em chinês, Pok Liu Chau), com 13 km², é um lugar ideal para fazer caminhadas e admirar estonteantes paisagens. Pegue uma balsa até a ilha para começar o seu passeio; visite as lojas e os restaurantes locais (com comidas típicas orientais e também pratos ocidentais);

3.6K