Essenciais
Japão: Destino de Estudo

5 razões para escolher o Japão como destino de estudo

Da economia à cultura e culinária, o Japão tem muito a oferecer aos estudantes internacionais. Encante-se por ele com a nossa lista de razões para escolhê-lo como o seu destino!

5 razões para escolher o Japão como destino de estudo
219

Da economia à cultura e culinária, o Japão tem muito a oferecer aos estudantes internacionais. Encante-se por ele com a nossa lista de razões para escolhê-lo como o seu destino!

 

As nações insulares muitas vezes mantêm uma cultura única e ocasionalmente peculiar. Viver em pedaços ilhados do continente asiático fará com que você experimente visões, sons e cheiros que realmente não podem ser encontrado em nenhum outro lugar do mundo. E o Japão é o rei das nações insulares. Leia o texto abaixo e descubra porque o país oferece uma experiência fascinante e inigualável para os estudantes internacionais.

 

A qualidade da educação é excepcional

 

O Japão, sem dúvidas, tem um dos melhores sistemas de educação do mundo. O compromisso com a pesquisa e o desenvolvimento, combinado com a fome de ser o país mais avançado e inovador do mundo, levou as instituições japonesas a produzirem 25 prêmios Nobel, 22 dos quais vem da física, química ou medicina.

 

A inovação de ponta pela qual o Japão é conhecido não aconteceu espontaneamente. O país tem priorizado a educação como um meio de fomentar o crescimento econômico e tem funcionado, tornando-o uma das nações mais fortes tanto financeira quanto educacionalmente.

 

Atualmente, o Japão tem duas universidades no ranking das 50 melhores instituições do planeta, segundo a ‘QS QuacquarelliSymonds’: a Universidade de Kyoto e a Universidade de Tóquio. Tóquio também foi recentemente nomeada a terceira melhor cidade do mundo para estudantes pelo The Telegraph.

 

Estes resultados tornam o Japão o melhor país da Ásia no quesito educação, com 20 dos 100 melhores lugares no ranking de universidades asiáticas da Times Higher Education (com a Universidade de Tóquio em primeiro lugar). Do ensino e pesquisa à transferência de conhecimento e perspectivas internacionais, o Japão é verdadeiramente dominante quando se trata de transmitir conhecimento.

 

Há também uma grande variedade de cursos. Com aproximadamente 780 universidades, toneladas de faculdades e demasiadas escolas profissionais para contar, você certamente vai ser capaz de encontrar uma instituição que fornece a sua área particular de interesse. Além disso, suas instituições de ensino superior oferecem quase 900 opções de cursos lecionados em inglês!

 

A experiência internacional dos estudantes é inigualável

 

Em maio de 2015, havia cerca de 210.000 estudantes internacionais no Japão, e esse número deve aumentar nos próximos anos devido à iniciativa Global 30. Esta promessa de um coletivo de universidades nacionais japonesas visa atrair 300.000 estudantes de todo o mundo para estudar no Japão até o ano 2020 - um número que, em última análise, representará 10% do corpo estudantil inteiro do país.

 

Para esse efeito, as universidades estão retirando todos os pontos burocráticos para os estudantes internacionais, começando com um processo de inscrição mais simplificado, continuando pela experiência de estudo e culminando com a ajuda em arranjar trabalho. Outras medidas destinadas a atrair talentos globais incluem permitir que os alunos iniciem o curso em setembro - ao contrário do tradicional início no mês de abril; permitir que mais cursos sejam ministrados em inglês; contratar um corpo docente global; e encorajar ambos os programas de intercâmbio internacionais de entrada e de saída. Os alunos também são, vitalmente, permitidos e incentivados a trabalhar durante os estudos, o que é absolutamente necessário para muitos estudantes que viajam.

 

E pode ser muito barato também! Um ano de aulas em uma faculdade ou universidade japonesa custa, em média, cerca de US$ 6.000. Isso é metade ou mesmo um terço do que os estudos equivalentes nos EUA ou no Reino Unido custariam. Da mesma forma, o custo de vida é muito menor no Japão.

 

Além disso, um programa de isenção de taxa de matrícula para os estudantes estrangeiros vai, a longo prazo, amortecer os custos, além da existência de uma série de oportunidades de bolsas de estudo do governo, universidades particulares, fundações e corporações destinadas a apoiar estudantes internacionais de todos os níveis e em todas as disciplinas acadêmicas. Se você receber ou não uma bolsa de estudos, estudar no Japão é excepcionalmente mais barato, permitindo mais liberdade para explorar as delícias do país.

 

Preocupado em saber como se inscrever? Confira esse artigo do Viva-Mundo com o passo a passo de como se candidatar.

 

Um país incrivelmente bem administrado

 

O Japão é a terceira economia mais forte do mundo e, como consequência, a vida é muito confortável por lá. É incrivelmente seguro e limpo, seu sistema de saúde é barato e eficiente, o transporte público é confiável e os moradores locais são conhecidos por serem muito acolhedores, respeitosos e educados. O Japão possui algumas das mais espetaculares paisagens naturais do mundo, a comida é muito saudável e o desemprego é baixo. Em suma: é seguro, limpo e as pessoas estão felizes. O que mais você poderia pedir?

 

Mercado de trabalho fluido e com muitas oportunidades

 

Estudar em outro país sempre melhorará muito sua empregabilidade, mas estudar no Japão é particularmente valioso. Se você decidir ficar lá, voltar para casa ou ir para outro lugar permanentemente, a sua bravura e novas habilidades conquistadas em uma cultura completamente diferente da nossa serão admiráveis.

 

Uma vez que o Japão tem uma economia tão poderosa, empresas no exterior olham para o mercado japonês com interesse e, portanto, contratam pessoas com um perfil internacional.

 

Há também fantásticas habilidades de trabalho a serem adquiridas no Japão. Ao se aplicar para um trabalho, os candidatos estrangeiros devem ser submetidos a um rigoroso processo de busca de emprego japonês, juntamente com a etiqueta obrigatória que o acompanha. Os alunos também aprenderão algumas dessas habilidades enquanto estiverem na escola. Essas vivências oferecem uma experiência valiosa com costumes e comportamentos que abrem portas no mundo em geral.

 

Um artigo recente do ‘New York Times’ discutiu um novo impulso das empresas japonesas de recrutar talentos internacionais com o intuito de representarem uma empresa mais globalizada. Mas o quão procurados são os graduados não-japoneses de uma faculdade de lá? Em uma pesquisa com mais de 800 empresas do país, quase 50% deles planejam recrutar integrantes não-japoneses  graduados pelas universidades nacionais. E muitos ainda têm uma quota de 10 por cento de contratação.

 

Também vale a pena mencionar que os estudantes internacionais são autorizados a trabalhar até 28 horas por semana no Japão durante os estudos, uma bela ajuda no custo de vida se você precisar de algum dinheiro extra para o seu dia-a-dia.

 

Cultura singular

 

Há algo único e atraente sobre a cultura japonesa que interessa as pessoas de todo o mundo. Ela varia do simples, elegante e bonito para o selvagem, barulhento e maluco, com várias coisas no meio.

 

Há momentos de total relaxamento e contemplação visitando templos e bebendo chá; e momentos emocionantes e loucos em lugares como o Restaurante Robô em Tóquio. E, claro, há animes, mangas e videogames para imergir. Há também vários tipos de sushi e macarrão lámen para experimentar e vários templos para visitar, sumô para ver, arte para admirar, montanhas a subir... A lista é praticamente interminável.

 

Tóquio está especialmente cheio de líderes da gastronomia, moda, arte e subcultura, por isso, se você estudar lá, poderá experimentar o melhor que estes mundos têm a oferecer. Além de ser cheia de empresas renomadas, ela é repleta por natureza, como o Yoyogi Park; locais históricos, templos e santuários; e também pontos turísticos, como o Skytree e a Torre de Tóquio.

 

Quer estudar um MBA? Confira este post no Viva-Mundo sobre como se inscrever para MBAs no Japão.

 

Uma das melhores partes sobre estudar no exterior é também a liberdade que você tem para viajar. No Japão, este é um prazer especial com seus eficientes trens de alta velocidade. Eles (e outros modos de transporte) vão te dar a oportunidade de experimentar toda a deliciosa comida, pessoas e arte que o Japão tem para oferecer.

 

O que mais há para dizer?

 

O Japão é um país que esbanja tanta alegria que realmente fala por si. Com paisagens de grande beleza natural, algumas das pessoas mais educadas do mundo e excelente (e acessível) educação, o Japão deve estar na vanguarda da mente de todos os futuros estudantes internacionais.

 

Interessado? Saiba mais sobre o Japão como destino de estudos aqui!

Pesquise por cursos

Japão
Graduação
SOBRE O AUTOR

5 razões para escolher o Japão como destino de estudo

Editor - colaborador

Leitura recomendada