Essenciais
Estados Unidos: Inscrevendo-se em uma universidade

Como ingressar em uma universidade dos Estados Unidos

O que é preciso para ser admitido em universidades americanas e ir estudar nos EUA

Processo seletivo nos Estados Unidos
276723

Os brasileiros são sempre muito bem recebidos nos Estados Unidos.  Segundo o Council of Graduate Schools, de 2011 para 2012, o número de brasileiros aceitos em universidades americanas aumentou 13%. E isto só tende a aumentar com o projeto Ciência sem Fronteiras. Além disso, o momento é propício para optar por estudar nos Estados Unidos já que o Departamento de Segurança Interna (Department of Homeland Security – DHS) americano pretende estender o visto de estudante, por 17 meses adicionais ao término do curso, dos estrangeiros que se graduarem com um excelente desempenho acadêmico, para que possam estagiar e adquirir experiências profissionais em empresas norte-americanas.

 

 

Tendo estes fatos animadores em mente, criamos o passo a passo para ingressar em uma universidade americana, listando tudo o que pode ser exigido como parte dos processos seletivos das instituições. Mas, antes de qualquer coisa, lembre-se: é extremamente importante que você se dedique aos estudos no ensino médio e conquiste ótimas notas em seu boletim escolar. As universidades americanas levam em consideração o esforço dos estudantes durante todo o ensino médio e aqueles que conquistarem as melhores notas têm mais chances de chamar a atenção das instituições durante o processo seletivo. Compreendido? Então vamos aos passos:

 

Encontre suas universidades de interesse e cheque as exigências específicas de cada processo seletivo 

Para começar, é essencial que você pesquise quais cursos nos Estados Unidos gostaria de se inscrever. Encontrando as graduações ou pós-graduações americanas do seu interesse, cheque diretamente com a instituição pelo nosso site tudo o que é demandado como parte do processo de seleção, pois os requisitos podem se diferenciar de uma instituição para outra.

 

Demonstre entusiasmo 

Você precisa demonstrar interesse pelo curso, pela área de estudo e pela universidade. Não é a toa que quase sempre os processos seletivos exigem uma redação de cada candidato relatando a sua intenção de ingressar a universidade, e as suas atividades curriculares e extracurriculares que demonstrem o seu interesse pelo curso escolhido.

 

Faça o teste  IELTS  ou o TOEFL 

Se o inglês não é a língua oficial do seu país, você precisa, obrigatoriamente, demonstrar um nível de fluência no idioma. Para isso, precisa prestar uma destas duas provas de proficiência em inglês e atingir a nota mínima exigida– que varia de acordo com a instituição e a graduação almejada. Caso o seu nível de inglês ainda não esteja suficiente, um curso de inglês ou um curso preparatório para a graduação na própria universidade que deseja estudar pode ser a solução e uma porta de entrada para o mundo acadêmico internacional.

 

Preste a prova SAT

Nos Estados Unidos, tanto estudantes americanos, quanto os estrangeiros precisam passar por provas que comprovem o conhecimento das disciplinas lecionadas nos ensinos fundamental e médio, revelando se estão preparados para uma graduação. O exame mais comum é o SAT, Scholastic Assesment Test (Teste de Aptidão Escolar), uma prova com questões em cinco matérias padrões: inglês, matemática, ciência, história e línguas estrangeiras. O SAT é obrigatório para qualquer curso superior; no entanto, pode ser que você só precise fazer apenas uma parte da prova. Por exemplo, se está se candidatando a uma vaga em algum curso de engenharia, poderá prestar apenas matemática e ciência. Cabe a instituição indicar quais as exigências quanto ao SAT para cada uma de suas graduações.

 

Providencie cartas de referência/recomendação

Todo estudante candidato a uma vaga em uma universidade americana precisa providenciar cartas escritas por pessoas que possam comprovar suas qualificações e experiências profissionais. Você pode pedir, por exemplo, a um professor do colegial ou ao seu chefe. É necessário que a carta de referência contenha relatos sobre sua vivência, suas qualidades como estudante/profissional, suas habilidades, etc. Por exemplo: se você tem caráter pró-ativo, de liderança, participava ativamente das aulas, é extrovertido...

 

Providencie documentos e traduza-os para o inglês

Você precisará reunir todos os documentos necessários para a inscrição no processo seletivo, dentre eles o seu currículo escolar e suas cartas de recomendação. Uma vez reunidos, é necessário que todos eles sejam traduzidos do português para o inglês por um profissional tradutor registrado.

 

Passe pelo processo seletivo

E então é chegado o grande momento! A hora de submeter a nota do SAT, da prova de inglês, os seus documentos traduzidos, a sua redação de intenção, e tudo que for exigência da faculdade para passar pelo processo de seleção para a sua graduação. Algumas instituições também realizam entrevistas com os estudantes, presenciais ou por telefone. Aí é esperar pelo resultado. Uma vez admitido, o próximo passo é...

 

Tire o visto de estudante

Caso aceito, a universidade irá providenciar documentos oficiais que comprovem o seu vínculo acadêmico com a instituição para que os apresente em sua entrevista de visto no consulado americano no Brasil. É provável que, para receber os documentos da instituição, você precise pagar a taxa de matrícula e qualquer outra taxa imposta pela instituição.

 

E é isso! Com vistos em mãos e matrícula feita, é só fazer as malas, preparar todos os detalhes da viagem e partir para os Estados Unidos.

 

Leia mais...

Pesquise por universidades nos Estados Unidos

Moradias no exterior para estudantes estrangeiros

Graduação e formatura nos Estados Unidos

O que é admissão condicional?

 

Study in the USA

Gratuito

eBook ‘Estudar nos Estados Unidos’

Gostou da leitura? Nós reunimos os principais tópicos sobre estudar nos Estados Unidos em um só livro digital.

Baixe seu eBook

Dê uma olhada...

Pesquise por cursos

Estados Unidos
Graduação
SOBRE O AUTOR

Processo seletivo nos Estados Unidos

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.