Essenciais
Estados Unidos: Destino de Estudo

Os esportes mais populares nas universidades dos Estados Unidos

Quais são os esportes mais praticados entre os estudantes das universidades dos Estados Unidos, país onde as atividades atléticas vão muito além da saúde e bem-estar

Os esportes mais populares nas universidades dos Estados Unidos
375

Os esportes são intrínsecos à cultura dos Estados Unidos. Devido, provavelmente, ao seu forte patriotismo e espírito competidor, os norte-americanos são ligados às atividades atléticas por razões que vão muito além da saúde e bem-estar. Os esportes são uma forma de aprender e prosperar valores como trabalho em equipe, confiança, fair play, justiça e resiliência.

 

E isso começa desde cedo, nas famílias e dentro das escolas. As crianças aprendem logo a serem competitivas, uma característica que, depois, é levada para o resto da vida.

 

estudar nos estados unidos

 

 

Nas universidades dos Estados Unidos, a cultura dos esportes é muito presente. Duas provas disso são as bolsas de estudo de atletas amplamente disponíveis por todo o país, para estudantes interessados não só no desempenho acadêmico como também no atlético durante os estudos; e as equipes esportivas que representam as universidades.

 

Os college athletics ou college sports são as competições criadas e organizadas pelas instituições de ensino superior dos Estados Unidos. Cada universidade tem suas próprias equipes masculinas e femininas para torneios interuniversitários, com mascote e tudo. Mas se a sua intenção for praticar apenas por lazer ou prazer, pode se unir a um clube esportivo estudantil, a fim de fazer amizades, manter-se ativo e participar de jogos apenas intramurais.

 

Esse amor coletivo pelos esportes é, de fato, uma experiência que os Estados Unidos proporcionam como nenhum outro país. Não é à toa que o evento esportivo de segunda maior audiência no mundo é o Super Bowl, campeonato de futebol americano da NFL, atrás apenas da final da Liga dos Campeões da UEFA.

 

As ligas universitárias

 

Nas universidades dos Estados Unidos, os esportes colegiados são divididos em dois sistemas, como mencionados acima: as atividades recreativas e competições internas organizadas por clubes estudantis esportivos; e os torneios externos entre universidades sancionados por órgãos governamentais de esportes universitários.

 

Há vários organizações importantes do governo, mas as mais famosas são as seguintes:

 

NCAA: A National Collegiate Athletic Association é a associação atlética colegiada mais popular dos Estados Unidos. Uma organização sem fins-lucrativos, ela serve como reguladora de equipes e ligas universitárias de mais de 1.200 instituições norte-americanas. Todos os anos, mais de 480.000 atletas estudantis dos EUA e Canadá competem nas Divisões I, II e III. As equipes são divididas em masculinas e femininas e incluem diversos esportes, como futebol americano, basquete, basebol, hóquei, golfe, futebol, boliche, esqui, tênis, polo aquático e vários outros.

 

NAIA: A National Association of Intercollegiate Athletics é uma associação menor com 250 membros, na sua grande maioria pequenas faculdades e universidades dos Estados Unidos. Ela patrocina 26 campeonatos nacionais ao longo do ano em basebol, cheerleading e dança, cross country, futebol americano, golfe, futebol, softbol, natação, tênis, corrida interna e externa, vôlei e luta greco-romana.

 

As partidas dos torneios universitários organizados por estas associações são assistidas por todo o país, principalmente as de futebol americano e basquete, com o mesmo entusiasmo que as ligas profissionais.

 

Os 6 esportes mais populares nas universidades dos Estados Unidos

 

praticar basebol nos Estados Unidos

 

Segundo o site College Sports Madness, estes são os seis esportes universitários mais populares nos Estados Unidos:

 

1. Basquete

 

O basquete é uma sensação entre os universitários, tanto para equipes femininas quanto masculinas. De fato, é o esporte mais praticado por todo o país, segundo o site Wolrd Atlas.

 

Você já deve ter escutado falar da NBA, não é mesmo? A liga masculina de basquete profissional dos Estados Unidos é formada por 30 equipes que jogam 82 partidas por temporada.

 

O basquete é um jogo de contato físico limitado, diferente do futebol americano e o rúgbi, e é popular por ser competitivo, dinâmico e acessível para todas as idades.

 

2. Basebol e softbol

 

O basebol nasceu nos Estados Unidos há mais de 150 anos e costuma ser mais popular no nordeste do que no resto do país. Com certeza, é em Nova York que o esporte tem o seu maior público, com o time New York Yankees, 27 vezes campeão das séries mundiais. Mesmo assim, o basebol é praticado por universidades do país inteiro.

 

Já o softbol, como o nome soft já diz, é uma versão mais leve do basebol. As regras são praticamente as mesmas, mas o softbol pode ser praticado em ambientes cobertos, as dimensões da bola são maiores, o campo e a duração são menores. O softbol normalmente é mais popular entre as mulheres.

 

3. Futebol americano

 

Para os americanos, football é a versão inventada por eles, o que para a gente é conhecido como “futebol americano”. Apesar de ser praticado em várias partes do mundo, inclusive no Brasil, ele só é uma sensação nos Estados Unidos e é o terceiro esporte mais praticado em universidades americanas.

 

No entanto, o American football é amplamente masculino – são poucas as equipes femininas universitárias. Vários atletas que representam suas equipes no ensino médio e têm um bom desempenho acabam conseguindo uma bolsa de estudo universitária esportiva e passam a treinar e jogar e pela universidade. As partidas de futebol americano universitário atraem milhares de expectadores.

 

4. Futebol

 

O soccer tem crescido em popularidade nos Estados Unidos, apesar de ainda nem chegar perto da sensação que ele é no Brasil e em outros países do mundo. Talvez a fama ganhe um fôlego maior depois do quarto título da seleção feminina americana na Copa do Mundo da FIFA em 2019 – são quatro taças em apenas oito edições! Se esta é uma das razões ou não, o futebol é um dos únicos esportes universitários que têm a mesmo popularidade entre homes e mulheres.

 

5. Hóquei

 

Apesar de ser mais famoso no Canadá, onde acredita-se que o esporte tenha sido inventado, o hóquei, especialmente no gelo (ice hockey), popularizou-se em regiões dos Estados Unidos com climas mais frios, como nordeste e centro-oeste, e ao longo dos anos foi se espalhando por todo o país.

 

O hóquei é um esporte mais ágil e notavelmente mais violento – é comum que haja conflitos físicos durante as partidas, cabe ao árbitro decidir por suspensão ou expulsão dos jogadores. Há duas modalidades do esporte: o hóquei no gelo, praticado no gelo com patins especiais e temperatura a menos de 10° C; e o hóquei em campo, no gramado.

 

6. Golfe

 

O golfe é praticado por aproximadamente 25 milhões de pessoas nos Estados Unidos. A maioria dos grandes nomes do esporte começaram a sua carreira na universidade, como Tiger Woods, Paul Casey, Luke Donald, Phil Mickelson e Chad Chambell.

 

Uma coisa que diferencia este esporte de todos os outros da lista: os seus campos. Os Estados Unidos têm campos de golfe deslumbrantes, um diferente do outro. E eles precisam ser muito bem mantidos, com gramados impecáveis, para que a prática não seja prejudicada.

 

Outros esportes universitários famosos nos Estados Unidos:

 

cross country nos estados unidos

O cross country é um esporte famoso nas universidades dos Estados Unidos. (Crédito: iStock/WoodysPhotos)

 

  • Track and Field são competições individuais de atletismo de Sprint, corrida com obstáculos, salto à distância, arremesso, ou competições combinadas, como heptatlo e decatlo.
  • Cross country é um esporte de equipe de corrida em terreno aberto ou acidentado, por meio de mata, lama, água e outros percursos irregulares. As equipes costumam ser formadas por cinco a sete corredores.
  • Lacrosse também é um esporte de equipe praticado com um taco com uma rede na ponta para pegar, carregar, passar e atirar a bola em direção ao gol. É bastante popular entre mulheres.

 

As 8 melhores universidades americanas para quem ama esportes

 

Se você ama esportes, estas oito universidades são nota dez em manter o espírito atlético e competitivo vivo entre seus estudantes, com os melhores programas de esporte universitário no país de acordo com o site Top Universities:

 

1. Universidade de Michigan

2. Universidade da Flórida

3. Universidade de Connecticut

4. Universidade Estadual de Ohio

5. Universidade de Wisconsin-Madison

6. Universidade de Notre Dame

7. Universidade Duke

8. Universidade da Califórnia, Los Angeles

 

Vocabulário esportivo

 

Conheça algumas palavras e expressões importantes para entender a cultura esportiva dos Estados Unidos:

 

  • Season ticket: Um ingresso que permite a entrada em todas as partidas da temporada. Geralmente, custa menos do que adquirir todos os ingressos separadamente.
  • Varsity athletics: Equipes atléticas que representam uma faculdade, universidade ou escola de ensino fundamental/médio.
  • Intramural sports: “Esportes intramurais” são as atividades atléticas internas das universidades apenas com objetivo recreativo.
  • Tailgate: “Tailgate” significa porta-malas. “tailgating” é o hábito de parar os carros nos estacionamentos dos estádios e ginásios e se reunir em volta dos porta-malas abertos, com música e comida, para fazer churrasco e confraternizar antes de assistir a uma partida.

 

tailgating nos Estados Unidos

 

Leia mais:

Cheerleading: como ser líder de torcida nos Estados Unidos?

Bolsas de estudo para atletas em universidades dos Estados Unidos

Study in the USA

Gratuito

eBook ‘Estudar nos Estados Unidos’

Gostou da leitura? Nós reunimos os principais tópicos sobre estudar nos Estados Unidos em um só livro digital.

Baixe seu eBook

Dê uma olhada...

Pesquise por cursos

Estados Unidos
Graduação
SOBRE O AUTOR

Os esportes mais populares nas universidades dos Estados Unidos

Brenda Bellani é editora de conteúdo e tradutora do Hotcourses Brasil. É formada em Jornalismo e especializada em Língua Inglesa e Tradução pela UNIMEP. Já morou 18 meses nos Estados Unidos como au pair e é apaixonada por viagens. Como hobby, ela mantém um blog sobre livros e tradução e é dona de uma lista infinita de livros-que-quer-ler.