Essenciais
Estados Unidos: informações de assunto

5 melhores escolas de Engenharia dos Estados Unidos

As cinco melhores escolas ou faculdades especializadas em Engenharia de universidades dos Estados Unidos, de acordo com o QS World University Rankings by Subject.

5 melhores escolas de Engenharia dos Estados Unidos

Todos os anos, a QS lança um ranking mundial com as melhores universidades do mundo de acordo com áreas de estudo específicas. O QS World University Rankings by Subject, como explicamos neste artigo, é o mais extenso do tipo. Ele avalia mais de 1.100 instituições de ensino superior de 73 localizações e 48 áreas de estudo em cinco categorias. Uma delas é Engenharia e Tecnologia.

 

Usamos a mais recente edição do QS World University Rankings by Subject para listar aqui as cinco melhores escolas de Engenharia dos Estados Unidos. Se a sua intenção é iniciar a sua carreira acadêmica em uma das melhores universidades norte-americanas e se tornar um engenheiro, precisa conhecer as cinco instituições a seguir.

 

Leia também: 8 características comuns entre engenheiros

 

Melhores Escolas de Engenharia dos Estados Unidos

 

Melhores escolas de engenharia dos Estados Unidos

 

O ranking QS por área de estudo analisou 502 instituições especializadas em Engenharia e Tecnologia do mundo, dentre elas 91 eram americanas. A lista resultante inclui cinco especializações da Engenharia: Química, Civil e Estrutural, Elétrica, Mecânica e Minas e Minerais.

 

Todas as escolas foram avaliadas a partir de quatro indicadores de qualidade:

 

  1. Reputação acadêmica;
  2. Reputação entre empregadores;
  3. Citações de pesquisas por trabalho;
  4. Produtividade e impacto dos trabalhos publicados.

 

Das 91 universidades dos Estados Unidos avaliadas pelo ranking, essas foram as cinco com melhores resultados:

 

1. Massachusetts Institute of Technology (MIT)

 

A Escola de Engenharia do MIT conquistou o primeiro lugar nos Estados Unidos. Localizada em Boston, Massachusetts, a missão da escola é preparar a próxima geração de líderes da Engenharia para criar novos conhecimentos e servir à sociedade.

 

De fato, a instituição atrai algumas das mentes mais brilhantes do mundo. Segundo o site oficial do Instituto, um terço de todos os professores do MIT é da Escola de Engenharia e suas pesquisas recebem 54% de todos os patrocínios anuais.

 

Um das coisas às quais a Escola mais se dedica e também se orgulha é a sua diversidade. Dos seus 3.276 estudantes de pós-graduação, 1.347 são estrangeiros e 1.024 são mulheres.

 

O MIT tem cursos de graduação e pós-graduação nas áreas de:

 

  • Aeronáutica e Astronáutica;
  • Engenharia Biológica;
  • Engenharia Química;
  • Engenharia Civil e Ambiental;
  • Engenharia Elétrica e Ciência da Computação;
  • Engenharia e Ciência de Materiais;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia e Ciência Nuclear;
  • Engenharia e Ciência Médica.

 

Outro dado interessante é que, ao ser admitido no MIT, o estudante faz parte do Instituto como um todo – ele não precisa escolher a área de estudo (major) logo de cara. Ao longo do primeiro ano, ele cursa uma série de disciplinas de seu interesse em qualquer departamento e escola do MIT e participa de feiras acadêmicas, palestras, seminários, etc.

 

Depois, no segundo ano de estudos, os alunos são livres para escolher a sua área entre todos os cursos disponíveis em todas as escolas. E é nesse momento que aproximadamente 70% de todos eles optam por uma disciplina de Engenharia! Isso já diz muito sobre a qualidade da Escola de Engenharia do MIT.

 

Leia também: Por que o MIT é uma das melhores universidades do mundo?

 

Catálogos universitários: Estados Unidos

 

2. Stanford University

 

Localizada em San Francisco, na Califórnia, a Escola de Engenharia da Stanford University, conhecida como Stanford Engineering, “está na vanguarda da inovação há quase um século, criando tecnologias essenciais que transformam o mundo da tecnologia da informação, comunicação, saúde, energia, negócios e muito mais”.

 

É o que indica o site oficial da Escola. Inclusive, estes são os seus três objetivos principais:

 

  • Conduzir pesquisas orientadas por curiosidade e problemas para gerar novos conhecimentos e produzir descobertas que forneçam as bases para futuros sistemas de Engenharia;
  • Oferecer educação baseada em pesquisas para os estudantes e também um amplo treinamento para líderes acadêmicos, no setor e na sociedade como um todo;
  • Impulsionar a transferência de tecnologia para o Vale do Silício e além, com pessoas profundamente preparadas e ideias transformadoras que melhorarão nossa sociedade e o nosso mundo.

 

Missão ambiciona, não é mesmo? Mas a Stanford consegue, de fato, realizá-la por meio dos seus cursos acadêmicos, pesquisas científicas, projetos e ex-alunos, que estão espalhados pelo mundo inteiro avançando a tecnologia em suas áreas de atuação.

 

Uma Escola de Engenharia com visão de futuro, a instituição reuniu suas mentes mais brilhantes em 2015 para que lidassem com duas questões fundamentais: em quais áreas a Escola tem um impacto significativo de mudar o mundo e como ela deve ser configurada para tratar das maiores oportunidades e desafios do futuro.

 

A partir desse processo de reflexão, a equipe da Stanford Engineering chegou a uma lista de dez questões abrangentes e inspiradoras nas quais ela gostaria de ter um grande impacto nos próximos 20 anos, como colaborações interdisciplinares, diversidade, inovação e sustentabilidade.

 

3. University of California, Berkeley

 

Talvez a Califórnia seja o seu destino de estudo ideal nos Estados Unidos se a sua vontade for se formar em Engenharia, porque a UC Berkeley também está localizada em San Francisco.

 

Com o lema “educando líderes, criando conhecimento, servindo à sociedade”, a Faculdade de Engenharia da Berkeley, mais conhecida como Berkeley Engineering, tem um processo seletivo concorridíssimo. Apenas 9,2% dos candidatos em 2019-2020 foram admitidos e a média do GPA dos selecionados é de 4,55. A boa notícia é que de todos os estudantes de graduação da Faculdade de Engenharia da Berkeley, 27,5% são estrangeiros.

 

Ela tem opções de graduações em áreas como:

 

  • Bioengenharia;
  • Engenharia Civil;
  • Engenharia Elétrica e Ciências da Computação;
  • Engenharia e Ciências de Materiais;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Nuclear;
  • Engenharia de Energia;
  • Estatísticas e Matemática da Engenharia;
  • Física da Engenharia;
  • Engenharia Ambiental.

 

Para mestrados e doutorados, há opções nessas e outras áreas, como Tecnologia e Ciência Aplicada, Operações e Engenharia Industrial, etc.

 

Um diferencial da UC Berkeley é dedicar-se a atrair mulheres à área da Engenharia. Em 2020, ela comemorou 150 anos do programa Women at Berkeley, que visava admitir jovens alunas à Universidade com igualdade em relação aos alunos do sexo masculino, algo inovador na época em que foi criado.

 

De fato, a primeira mulher a receber um diploma acadêmico em Engenharia Civil de uma universidade americana se formou na Berkeley Engineering. Atualmente, a instituição tem orgulho do seu corpo docente e discente diversos e inclusivos.

 

4. Harvard University

 

Também localizada em Boston, a Harvard John A. Paulson School of Engineering and Applied Sciences (SEAS) é a escola de Engenharia da famosa Harvard University. Ela oferece graduações e pós-graduações nas áreas de:

 

  • Computação Aplicada;
  • Matemática Aplicada;
  • Física Aplicada;
  • Bioengenharia;
  • Ciência da Computação;
  • Engenharia Elétrica;
  • Engenharia e Ciência Ambiental;
  • Engenharia Mecânica e Ciência de Materiais;
  • Engenharia de Design;
  • Ciências da Engenharia;
  • Análise de Negócios;
  • Inteligência Artificial.

 

Como pode perceber, as áreas de estudo da SEAS são bem variadas e condizem com a sua missão de trabalhar dentro e além das disciplinas fundamentais de Engenharia e Ciências a fim de abordar as questões mais urgentes do nosso tempo.

 

Uma das características que diferem a Faculdade de Engenharia da Harvard é que ela não é formada por departamentos, como costumam ser estruturadas as escolas e faculdades acadêmicas das universidades americanas.

 

“Departamentos implicam limites, até mesmo paredes. Nossa abordagem de ensino e pesquisa é, por criação, altamente interdisciplinar”, explica o site oficial. Dessa forma, os estudantes e acadêmicos da SEAS colaboram em todas as áreas acadêmicas da Faculdade e da Universidade como um todo, além de manter relações com parceiros na academia, indústria, governo e em organizações de serviço público muito além da Harvard.

 

5. Georgia Institute of Technology

 

A Georgia Tech College of Engineering é a faculdade de Engenharia do Instituto de Tecnologia da Geórgia, em Atlanta. Ela oferece mais de 50 cursos diferentes de bacharelado, mestrado e doutorado nas áreas de:

 

  • Engenharia Aeroespacial;
  • Engenharia Biomédica;
  • Engenharia Química e Biomolecular;
  • Engenharia Civil e Ambiental;
  • Engenharia Elétrica e da Computação;
  • Engenharia Industrial e de Sistemas;
  • Engenharia e Ciência de Materiais;
  • Engenharia Mecânica;
  • Engenharia Nuclear e Radiológica.

 

A Georgia Tech busca preparar os seus estudantes não apenas para carreiras em Engenharia, como também para as responsabilidades que vêm com a liderança.

 

Ela tem foco em inovação e empreendedorismo e costuma proporcionar aos alunos uma vantagem no meio acadêmico e profissional, criando invenções, abrindo seus próprios negócios e projetando soluções para problemas globais assim que se formam.

 

Encontre o seu curso de Engenharia no exterior

 

Encontre o seu curso de Engenharia no exterior de acordo com as suas preferências, histórico escolar e planos para o futuro com o nosso Selecionador de Cursos.

 

Leia também:

3 mitos sobre as áreas de STEM – Ciências, Tecnologia, Engenharia e Matemática

Portugal: George relata prós e contras do estudos em Lisboa

Study in the USA

Gratuito

eBook ‘Estudar nos Estados Unidos’

Gostou da leitura? Nós reunimos os principais tópicos sobre estudar nos Estados Unidos em um só livro digital.

Baixe seu eBook
CURSO PERFEITO
Quer saber qual curso é melhor para você?
Descubra com a nossa nova ferramenta "Selecionador de curso"!
COMEÇAR SUA BUSCA

Leitura recomendada

Como estudar cursos de Psicologia à distância?

O fascínio pelos processos mentais e pelo comportamento humano não é uma característica do mundo moderno. Apesar de a psicologia ter sido considerada uma disciplina individual apenas no final dos anos 1800, a sua história pode ser traçada dentro do contexto filosófico desde as grandes civilizações antigas.   Agora, poder fazer um curso de graduação em Psicologia online é definitivamente um atributo dos tempos modernos. A educação online foi criada com

80.6K

Publicidade e Propaganda: uma carreira de destaque no mundo dos negócios.

Publicidade e Propaganda é um mercado fenomenal que está constantemente evoluindo e crescendo em complexidade.  Para ingressar na carreira é necessário ter uma formação multidisciplinar e compreender muitos aspectos diferentes da experiência humana, desde negócios e finanças, design, psicologia e até mesmo antropologia. Se você estiver procurando por uma vida profissional realmente estimulante, o curso de propaganda é a escolha certa!   A vida

37.7K

Estudar Agricultura e Agronegócios no exterior

A agricultura provavelmente é comum a qualquer estudante brasileiro porque estudamos o seu primórdio no Brasil a exaustão em nossas aulas de história do ensino fundamental: a produção de cana-de-açúcar e depois a de café, que fizeram com que se tornasse uma das principais bases da economia brasileira.     É óbvio que desde o início destas atividades no Brasil até o século XXI, o setor passou por inúmeras mudanças e enfrentou muitos

16.7K